Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Alison pede dignidade e revela que deseja ficar no Náutico em 2014

Recife (PE)

Se vencer todas as nove partidas que ainda disputará neste Campeonato Brasileiro, o Náutico fará 27 pontos, mas, ainda assim, dificilmente conseguirá permanecer na Série A. Com apenas 17 pontos conquistados em 29 jogos, o Timbu tem os mesmos 17 de distância em relação ao Coritiba, primeiro time fora da zona de rebaixamento. Reconhecendo que a situação é complicada, o zagueiro Alison pediu que ao menos o elenco alvirrubro tente terminar a competição de uma maneira decente.

“Não prestei atenção nos números, mas as dificuldades que encontramos nos jogos são imensas. Tem jogos que iniciamos bem, criamos, mas a bola volta e acontece o gol. E vem todo aquele pensamento negativo das outras partidas. A gente sabe que fica cada vez mais difícil. Cabe a nós somar o maior número de pontos possível para ver se a gente termina com alguma dignidade”, declarou Alison depois da partida contra o São Paulo, nesta quarta.

Mesmo diante da possibilidade de defender o Náutico na segunda divisão nacional em 2014, o defensor revelou que tem vontade de permanecer.

“É um clube a que cheguei ano passado, e fui bem acolhido. Estou adaptado à cidade do Recife. Mas é entregar na mão de Deus, e o que ele proporcionar para mim está bom”, afirmou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade