Futebol/Campeonato Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Benazzi culpa o árbitro por derrota do Paysandu contra o Figueirense

Belém (PA)

O técnico Vágner Benazzi elegeu o árbitro paranaense Fábio Filipus como o principal responsável pela derrota do Paysandu para o Figueirense, por 3 a 2, na noite desta terça-feira, em partida disputada no estádio Orlando Scarpelli. O Papão abriu o placar, tomou a virada e ainda conseguiu empatar, mas, aos 46 minutos do segundo tempo, sofreu o terceiro gol.

“Fico muito chateado por ter uma arbitragem dessas. No segundo tempo, a falta que era para a gente ele não dava. Na mesma situação, só que para o adversário, ele marcava. Lamentável. Todo mundo viu o pênalti no Careca. Até ali, o jogo estava 2 a 2”, disse Benazzi.

Mesmo reconhecendo as deficiências do setor defensivo da equipe durante a partida contra os catarinenses, o treinador bicolor não deixou de fazer mais críticas ao árbitro, que, segundo ele, cedeu à pressão feita pela comissão técnica do Figueirense.

“Acredito que o empate por 2 a 2 seria o resultado mais justo pelo o que aconteceu no jogo. Contra o São Caetano, nós fomos derrotados com gols que o adversário mereceu, dentro das nossas falhas. Mas hoje não. Ele (árbitro) foi a peça errada que entrou em campo. Aquela ‘blitz’ que a comissão técnica do Figueirense fez no intervalo do jogo foi fundamental para a mudança de postura no segundo tempo. Ele se encolheu ali e fez um péssimo trabalho no segundo tempo”, declarou.

18º colocado na Série B do Campeonato Brasileiro, com 29 pontos, o Papão volta a campo na próxima sexta-feira, contra o Avaí, na Curuzu.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade