Futebol/Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Boa Esporte desafia Icasa e seu desejo de vaga no G-4

Do correspondente Wanderson Lima Juazeiro do Norte (CE)

O Boa Esporte faz uma campanha discreta na Série B do Brasileiro, ocupando o 11º lugar com 44 pontos, praticamente livre do rebaixamento o time de Varginha pretende chegar o mais longe possível na tabela. Por isso, a Coruja mineira pensa em superar o Icasa, nesta sexta-feira, às 21h, no estádio Romeirão, em Juazeiro do Norte para subir um pouco mais na classificação.

A equipe boveta, porém, terá muitas dificuldades na partida já que os cearenses ainda brigam pelo acesso para elite do futebol brasileiro e contam com um treinador que conhece bem o Boa Esporte. Trata-se de Sidney Moraes, que já treinou o time de Varginha e foi auxiliar e Nedo Xavier, atual técnico da Coruja.

Apesar de avaliar que a partida será complicada, Nedo Xavier afirma que o Boa Esporte tem jogado bem quando atua longe dos domínios, o que anima o treinador. “Temos feito bons jogos fora de casa. Acredito que nós iremos fazer mais uma boa partida para voltar de Juazeiro com um resultado positivo. Nós assistimos aos últimos jogos do Icasa e vimos que eles jogam igual a gente. A equipe usa a mesma filosofia e tem um esquema tático com poucas variações”, declarou.

Quinto colocado com 50 pontos, o Icasa pode entrar no G4 em caso de vitória nesta sexta-feira, situação que tem animado os jogadores e a comissão técnica do Verdão do Cariri. O técnico Sidney Moraes lembra que no início do campeonato ninguém apostava no Icasa, mas que o time vem superando as dificuldades jogo a jogo, filosofia que o treinador quer manter para ver até onde a equipe cearense pode chegar.

“A gente tá em uma posição que permite essa possibilidade, mas acho que tem que brigar pelo jogo seguinte. É a minha filosofia. Desde quando começamos aqui e falamos aos jogadores que o jogo seguinte é o mais importante. Vamos fazer nossa parte e as coisas vão acontecendo. As equipes estão dando essa oportunidade e a gente está fazendo nosso trabalho. Com toda nossa dificuldade, estamos pontuando. Isso é importante”, disse.

O grande problema para Sidney Moraes é a perda do atacante Tadeu, que era o artilheiro do Icasa no Brasileiro e acabou deixando o clube. Os motivos da saída do jogador ainda não foram totalmente esclarecidos, mas o atacante negou que tenha sido por ato de indisciplina e alegou que tem uma lesão no joelho, que impede de praticar o futebol.

Arte GE.Net
FICHA TÉCNICA
ICASA X BOA ESPORTE

Local: Estádio Romeirão, em Juazeiro do Norte (CE)
Data: 01 de novembro de 2013, sexta-feira
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Vinicius Furlan (SP)
Assistentes: Celso Barbosa de Oliveira (SP) e Fábio Rogério Baesteiro (SP)

ICASA: João Ricardo; Neílson, Gabriel, Luis Gustavo e Roberto; Luiz Otávio, Gilmak, Guto e Chapinha; Jaílson e Juninho Potiguar.
Técnico: Sidney Moraes

BOA ESPORTE: Douglas; Rafinha, Neylor, Thiago Carvalho e Petros; Moisés, Betinho, Vinicius Hess e Marcelinho Paraíba; Malaquias e Fernando Karanga.
Técnico: Nedo Xavier

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade