Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Botafogo visita o Vitória em duelo de embalados no Brasileiro

Gazeta Press Salvador (BA)

O Botafogo visita o Vitória nesta quinta-feira, às 21 horas (de Brasília), no Barradão, em Salvador, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro, em duelo entre equipes que estão embaladas após bons resultados no fim de semana. O jogo também pode ser tratado como um choque direto na luta por uma vaga na próxima Libertadores. O Glorioso, que superou o Flamengo por 2 a 1 no domingo, tem 49 pontos e, vencendo, dará mais um passo significativo rumo ao torneio continental. O Rubro-Negro baiano, por sua vez, fez 2 a 1 no Coritiba, tem 40 pontos e deseja se aproximar ainda mais do G-4.

Oswaldo de Oliveira, técnico do Botafogo, conversou com seus jogadores sobre a necessidade de seu time conseguir segurar o ímpeto do adversário que, no entender dele, vai partir para cima desde os primeiros minutos.

“Eles, com certeza, vão tentar pressionar desde os primeiros minutos com o objetivo de decidir o jogo, e vamos ter que estar preparados para sabermos lidar com esse tipo de situação. É importante que a gente encontre o melhor caminho para sair para o jogo e criar problemas ao sistema defensivo deles. Se eles partirem com tudo, mas tiverem uma resposta à altura, vão perceber que não podem pressionar tanto”, ensinou Oswaldo.

Os jogadores estão procurando assimilar as determinações e orientações de Oswaldo de Oliveira, até porque um triunfo sobre o Vitória é considerado estratégico neste momento do Campeonato Brasileiro.

“Por se tratar de uma partida que acontece depois de uma vitória em um clássico e de estarmos vindo de dois resultados positivos, com certeza ela se torna estratégica para confirmar que vamos entrar com força nesta reta final de Campeonato Brasileiro. A disputa está ficando cada vez mais acirrada, e o Vitória deseja se aproximar da zona de classificação para a Libertadores. Se conseguirmos impedir isso, daremos um passo muito grande para conseguirmos a classificação”, opinou o lateral-esquerdo Júlio César.

Em termos de escalação o Botafogo, terá os retornos do goleiro Jéfferson, que estava com a Seleção Brasileira em amistosos internacionais, e do meia Lodeiro, que estava com a seleção uruguaia nas Eliminatórias Sul-americanas. O primeiro assumirá o posto de Renan, com o segundo entrando no lugar de Alex. Assim, Rafael Marques volta a atuar mais adiantado, no comando do ataque.

Arte GE.Net
Pelo lado do Vitória, o técnico Ney Franco alertou seus atletas sobre as qualidades do adversário. Ele quer ver o Rubro-Negro neutralizando os pontos fortes do Botafogo.

“Eles têm um time muito perigoso de se enfrentar, pois além de ter uma marcação muito sólida, têm um toque de bola na medida certa e que na maioria das vezes acaba encontrando espaços na defesa do adversário. O Vitória sabe das qualidades de nosso adversário e da necessidade de neutralizar seus pontos fortes. Mas com toda a certeza o Botafogo também tem motivos para se preocupar com os nossos pontos fortes, pois também somos uma equipe com muitas virtudes e que tem condições de somar mais três pontos nesta quinta. A minha expectativa é a de uma partida muito equilibrada e decidida nos detalhes. Espero que no fim a gente possa comemorar, já que ganhar esse jogo será muito importante dentro do nosso planejamento para a sequência do Campeonato Brasileiro”, disse Ney.

No Vitória, o zagueiro Kadu e o volante Michel, ambos advertidos com o terceiro cartão amarelo, terão que cumprir suspensão diante do Botafogo. Assim, Luiz Gustavo, que jogou no meio contra o Coritiba, volta para a zaga e Marcelo deverá ser o escolhido para o meio-de-campo. Com o retorno de Luiz Gustavo para a zaga, o argentino Escudero, recuperado de uma lesão no músculo adutor da coxa direita, reaparece na criação de jogadas, ao lado de Renato Cajá.

As duas equipes se enfrentaram no primeiro turno do Campeonato Brasileiro, no Maracanã. Naquela ocasião, o Botafogo derrotou o adversário por 2 a 0, com gols de Vitinho e Elias.

FICHA TÉCNICA
VITÓRIA X BOTAFOGO

Local: Estádio Barradão, em Salvador (BA)
Data: 17 de outubro de 2013, quinta-feira
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Alício Pena Júnior (MG)
Assistentes: Altemir Hausmann (Fifa-RS) e Fábio Pereira (Fifa-TO)

VITÓRIA: Wilson; Ayrton, Victor Ramos, Reniê e Juan; Marcelo, Cáceres e Renato Cajá; Marquinhos e Dinei
Técnico: Ney Franco

BOTAFOGO: Jéfferson; Edílson, Bolívar, Dória e Júlio César; Marcelo Mattos, Renato, Gegê, Seedorf e Lodeiro; Rafael Marques
Técnico: Oswaldo de Oliveira

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade