Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

CBF usará Copa de 2014 para impedir convocação Diego Costa pela Espanha

Madri (Espanha)

O imbróglio envolvendo a possível convocação de Diego Costa pela seleção espanhola segue rendendo muita polêmica junto à Fifa. Segundo informações do jornal As nesta quinta-feira, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) tentará impedir o chamado do atacante por La Roja com um argumento que conta com a Copa do Mundo de 2014 como grande trunfo.

De acordo com a publicação, a CBF dirá à Fifa que, por ser o país organizador do Mundial do ano que vem, o Brasil não está atuando em competições oficiais com regularidade. Assim, estaria prejudicado na ‘disputa’ pelo atleta diante da Espanha. Isto porque a Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF) vem tentando a regularização de Diego Costa junto à entidade máxima do futebol mundial com o argumento de que ele não atuou em nenhuma partida oficial pela Seleção Brasileira.

Federação Espanhola diz que Diego Costa escolheu defender a Fúria

O jogador do Alético de Madrid só foi convocado por Luiz Felipe Scolari em uma oportunidade: Para os amistosos diante de Itália e Rússia. Ele entrou em campo nos dois jogos, mas não foi chamado por Felipão para a Copa das Confederações. Isto abriu uma brecha para espanhóis, que apontam que as regras da Fifa mencionam que apenas jogadores que já atuaram em competições oficiais da entidade não podem ser convocados por outras seleções.

A RFEF teria feito uma consulta oficial à Fifa para a convocação do atacante, que já é naturalizado espanhol. A CBF, então, estaria começando a atuar para evitar que a federação espanhola obtenha os papéis que liberem o chamado de Diego pelo técnico Vicente Del Bosque.

Destaque do Alético de Madrid e um dos artilheiros do Campeonato Espanhol nesta temporada, Diego Costa já pode aparecer na convocação da Espanha que enfrentará Bielo-Rússia e Geórgia, nos dias 11 e 15 de outubro, respectivamente, pelas Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo de 2014. Se isto, de fato, acontecer, a Seleção Brasileira não poderá contar com o centroavante colchonero em mais nenhuma oportunidade.

AFP
Artilheiro do Espanhol ao lado de Messi, Diego Costa segue 'disputado' pelas seleções Brasileira e espanhola

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade