Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Chamusca culpa "deuses" por derrota, mas vê evolução no Coritiba

Campinas (SP)

Os deuses do futebol são os culpados pela má fase do Coritiba, muito ameaçado de rebaixamento no Campeonato Brasileiro. Pelo menos é no que acredita o técnico Péricles Chamusca, que somou a sua quarta derrota em cinco jogos nesta quarta-feira. O algoz da vez foi a Ponte Preta.

Após o revés por 1 a 0, no Moisés Lucarelli, o treinador explicou. “Os deuses do futebol não estavam a nosso favor. O resultado foi bastante injusto pelo que foi o jogo e pelo que fizemos”, lamentou durante entrevista à Rádio Banda B. O comandante ainda conseguiu ver um time em evolução em Campinas (SP).

“Evoluímos em produção e em qualidade, mas temos de conseguir os resultados”, analisou, antes de admitir que “a luz de alerta está acesa há muito tempo”. Chamusca, no entanto, pede para que os seus comandados “não percam a confiança em si mesmos”.

Neste momento, tudo que resta ao Coxa é torcer contra o Vasco, um dos seus adversários na luta contra a degola para a segunda divisão. Os cariocas atuarão na 29ª rodada nesta quinta, recebendo o Goiás, no Moacyrzão. Em caso de vitória vascaína, os alviverdes entrarão na área de queda.

E a história poderá piorar na próxima rodada, já que o Coritiba terá pela frente o líder da competição nacional, o Cruzeiro. O duelo está marcado para domingo, às 18h30 (de Brasília), no Couto Pereira. A Raposa vem de uma vitória por margem mínima sobre o Fluminense.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade