Futebol/Campeonato Brasileiro Série D - ( - Atualizado )

Com gol relâmpago, Juventude larga na frente pelo título da Série D

Porto Alegre (RS)

Na tarde deste domingo, ocorreu a primeira partida da final do Campeonato Brasileiro da Série D. Jogando na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, o Juventude saiu em vantagem na busca pelo troféu da competição ao vencer o Botafogo-PB por 2 a 1. Os gols do Alviverde foram marcados por Zulu e Paulo Josué, enquanto que Rafael Aidar anotou em favor dos visitantes. Com o resultado, os comandados do técnico Lisca jogam pelo empate em João Pessoa para garantir um título nacional, após 14 anos. O último deles foi em 1999, curiosamente, diante de um Botafogo. Mas, na ocasião, o oponente em questão era o Alvinegro carioca, e o certame em disputa era a Copa do Brasil.

O jogo – Logo aos três minutos, o alviverde sul-caxiense inaugurou o marcador: após receber um lançamento no canto direito, livre de marcação, o centroavante Zulu finalizou com categoria, encobrindo o goleiro Remerson. A resposta do alvinegro paraibano veio segundos depois, quando Hércules avançou pela meia e encontrou Fausto. O centroavante, que já teve uma passagem pelo Juventude, se esticou, mas não alcançou a bola.

Em desvantagem, os comandados de Marcelo Vilar passaram a pressionar o Papo. Aos 19 minutos, o volante Pio carimbou a trave de Aírton em cobrança de falta e, no rebote, o camisa 10 Lenílson desperdiçou uma grande chance de empatar. Com 24 jogados, Pio finalizou firme da intermediária, mas mandou a bola à direita da meta gaúcha. Quatro minutos mais tarde, bem posicionado, Hércules aproveitou um cruzamento na área e testou firme, mas parou em defesa do jovem arqueiro do Juventude.

Aos 31 minutos, o Juventude voltou a ditar o ritmo de jogo e levou perigo à meta paraibana. Rogerinho escapou em velocidade e cruzou na primeira trave. O centroavante Zulu se antecipou à marcação, mas não conseguiu concluir a cabeçada. Cinco minutos mais tarde, novamente Rogerinho recebeu na meia esquerda e finalizou forte, mas o arqueiro alvinegro apenas acompanhou a saída da bola.

Em desvantagem no marcador, o Botafogo-PB voltou dos vestiários buscando o gol de empate, e conseguiu o objetivo logo aos quatro minutos: após receber um lançamento de Ferreira, o atacante Rafael Aidar, que também tem passagem pelo Juventude, finalizou com firmeza para vencer Aírton. No minuto seguinte, por muito pouco o Alvinegro não conseguiu a virada: o volante Zaqueu arriscou com firmeza de fora da área e mandou a bola rente à trave esquerda do goleiro.

Com 18 jogados, o goleiro Rémerson praticou um verdadeiro milagre, defendendo à queima-roupa uma cabeçada de Zulu. Porém, aos 24, o arqueiro alvinegro não conseguiu evitar o segundo gol do Juventude: o jovem Paulo Josué, que havia acabado de entrar no lugar de Rogerinho, aproveitou um rebote do goleiro, em chute firme de Douglas, e concluiu para o fundo das redes, recolocando o Papo em vantagem na Arena do Grêmio e dando números finais ao marcador.

A partida de volta será no dia 3 de Novembro, às 17 horas (de Brasília), no estádio José Américo de Almeida Filho, o Almeidão, em João Pessoa-PB.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade