Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Com um a menos, Grêmio bate Botafogo em duelo pela vice-liderança

Gazeta Press Porto Alegre (RS)

 

Com um gol de Alex Telles ainda no primeiro tempo, o Grêmio venceu por 1 a 0 o Botafogo neste sábado, no Maracanã, e aumentou a sequência negativa dos cariocas no Campeonato Brasileiro. Mesmo com um homem a menos desde os 29 minutos da etapa inicial, após a expulsão de Kleber, os gremistas aproveitaram uma das poucas chances que tiveram e souberam segurar a força ofensiva dos donos da casa.

Com o resultado, o Grêmio continua na vice-liderança da Série A, com 48 pontos, oito a menos que o líder Cruzeiro. Já o Botafogo segue com 43, em terceiro, e pode ser ultrapassado pelo Atlético-PR nesta rodada.

Na próxima rodada, o Grêmio recebe o Criciúma em Porto Alegre, na quarta-feira. Já o Botafogo vai até Pernambuco para encarar o lanterna Náutico no mesmo dia.

O jogo - O Botafogo começou a partida buscando pressionar o Grêmio. Os donos da casa criaram boa chance logo com três minutos. Após cruzamento de Gilberto, Henrique cabeceou, mas a bola foi para fora. Só que a partir dai, a marcação do Grêmio melhorou e passou a brecar as investidas dos cariocas.

Aos poucos, os gaúchos equilibraram as ações e começaram a buscar mais o ataque. Os gremistas levaram perigo em alguns lances, principalmente em cruzamentos na área, mas em todos os casos não apareceu nenhum jogador para finalizar para a rede. Depois, Werley se antecipou a zaga e cabeceou por cima do travessão de Jéfferson.

Divulgação/Botafogo F. R.
Em duelo muito equilibrado no Maracanã, Alex Telles fez um golaço e o Grêmio venceu por 1 a 0
Quando o confronto estava equilibrado, o Grêmio sofreu um revés aos 29 minutos: o atacante Kleber foi expulso de forma direta, mesmo tendo cartão amarelo, após falta sobre o zagueiro Dória. Três minutos depois, o Botafogo voltou a assustar. Após falha da zaga gremista, Rafael Marques arriscou da entrada da área, mas a direita do gol de Dida.

No entanto, quem abriu o placar no Maracanã foi o Grêmio, aos 37 minutos. Riveros chegou na linha de fundo e tocou para Alex Telles no bico da área. O lateral esquerdo acertou belo chute cruzado no ângulo de Jéfferson.

Mesmo depois do gol e com um homem a menos, o Grêmio aproveitava o nervosismo do Botafogo em campo. Tanto que aos 41 minutos, Pará arriscou de fora da área, mas colocou por cima do travessão. A resposta dos donos da casa veio seguida, com Gilberto, em finalização que parou em defesa segura de Dida. No entanto, os cariocas foram para o intervalo atrás no marcador.

Arte GE.Net
Na etapa final, o Botafogo voltou com mais ímpeto em busca do empate. Após alguns erros de finalização, os donos da casa assustaram aos oito minutos. O volante pegou rebote da zaga, arriscou de longe e obrigou Dida a fazer a defesa em dois tempos.

No entanto, assim como na etapa inicial, os alvinegros voltaram a ter muita dificuldade com a marcação gaúcha. Assim, os cariocas tinham o domínio da posse de bola, mas pouco incomodavam o goleiro Dida. Na melhor oportunidade, Jeferson Paulista chutou em cima de Souza dentro da área, aos 29 minutos.

Na parte final do jogo, o Grêmio abdicou do ataque e apenas passou a se defender. O Botafogo buscou de todas as formas o gol de empate, mas parou na retranca gaúcha. Assim, os visitantes se consolidam na vice-liderança do Campeonato Brasileiro e aumentam o jejum dos cariocas, que podem perder a terceira posição ainda nesta rodada para o Atlético-PR.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade