Futebol/Copa do Catar - ( )

Comandado por Zico, Nenê ganha US$ 2 mil após estreia

Doha (Catar)

O Al-Gharafa empatou na estreia da Copa do Catar contra o Al-Ahli por 2 a 2 e teve como principal destaque da partida o meia brasileiro Nenê, que deu duas assistências para os seus companheiros. Não à toa, o brasileiro foi eleito o melhor em campo e embolsou um prêmio de dois mil dólares.

A partida foi marcada com um gol logo no ínicio, quando Abdulla abriu o placar para o Al-Ahli logo aos 12 minutos. O Al-Gharafa, do técnico Zico, virou no primeiro tempo, primeiro com Diaby, após cobrança de falta de Nenê aos 21 minutos, e depois com George Kwasi, que aproveitou o escanteio cobrado pelo brasileiro aos 26 minutos. No final do jogo, aos 42 minutos da segunda etapa, o ganês Benson deixou tudo igual.

“Dominamos a maior parte do jogo e poderíamos ter feito mais gols. No meio do segundo tempo, um jogador nosso foi expulso e o Al-Ahli partiu com tudo em busca do empate, o que aconteceu no final. Agora é trabalhar para o próximo jogo”, declarou Nenê.

A equipe de Nenê, que também conta com o argentino Lisandro López no seu plantel, volta a campo no próximo sábado, quando enfrenta o Al-Wakrah. A Copa do Catar é jogada em turno único, classificando os primeiros colocados dos três grupos da competição, e o melhor segundo colocado.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade