Futebol/Copa Sul-americana - ( - Atualizado )

Contra Nacional, São Paulo retoma trilha por bi sul-americano

Tossiro Neto São Paulo (SP)

Após passar pela Universidad Católica em um grande jogo, na semana passada, o São Paulo retoma sua trilha pelo bicampeonato da Copa Sul-americana. Às 21h50 (de Brasília) desta quarta-feira, a equipe recebe o Atlético Nacional, em duelo que abre as quartas de final do torneio.

Ausente na vitória por 4 a 3 sobre os chilenos - e também em outras cinco partidas - por conta de contratura na coxa esquerda, Luis Fabiano será no Morumbi a grande novidade do time de Muricy Ramalho. O treinador escondeu o restante da escalação, mas dificilmente sacará Aloísio, autor de seis gols nos últimos três compromissos.

Se há dúvida sobre quem sai do sistema ofensivo, o substituto de Paulo Henrique Ganso, expulso na fase anterior, é Jadson. O camisa 10 perdeu espaço com o novo treinador, mas terá uma nova chance de mostrar trabalho em função da suspensão de um dos jogadores que mais têm chamado atenção sob comando de Muricy.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Jadson substitui suspenso Ganso, e Aloísio deve continuar no time, mesmo com a volta de Luis Fabiano
"Eu estava muito acostumado a jogar com o Jadson. Depois, com o Ganso. Eles são parecidos, têm o útimo passe. O Ganso está vivendo grande fase, mas a gente confia muito no Jadson, que é um belíssimo jogador e tem condições de deixar a gente na cara do gol também", destaca Luis Fabiano, único confirmado de antemão.

Outra baixa, além de Ganso, é Rafael Toloi. O zagueiro foi vetado devido a dores no tornozelo direito. Sua ausência, no entanto, é compensada pelo retorno de Antônio Carlos, o qual, assim como Luis Fabiano, não atua desde o começo do mês, no triunfo sobre o Vitória, quando ambos fizeram gol.

O Nacional - que, diferentemente do São Paulo, estreou na primeira fase, já tendo eliminado Guaraní (Paraguai), Inti Gas (Peru) e Bahia -, espera dificuldades na capital paulista. No domingo, o técnico Juan Carlos Osorio analisou presencialmente a vitória são-paulina sobre o Internacional, pelo Campeonato Brasileiro, porém já havia ficado surpreso com o jogo anterior, pela Sul-americana.

"Contra a Católica, eles tiveram muitos poblemas defensivos, sofreram três gols. Mas chegaram cinco vezes ao ataque e fizeram quatro. É um clube de história, grande, e que está vivendo um momento muito especial", opinou, ciente de que o risco de rebaixamento na competição nacional já não assusta mais os comandados de Muricy como antes.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO X ATLÉTICO NACIONAL-COL

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 30 de outubro de 2013, quarta-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Victor Carrillo (PER)
Assistentes: Jonny Bossio (PER) e Cesar Escano (PER)

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rodrigo Caio e Edson Silva (Antônio Carlos); Douglas (Ademilson) Denilson, Maicon, Jadson e Reinaldo; Aloísio e Luis Fabiano
Técnico: Muricy Ramalho

ATLÉTICO NACIONAL: Armani; Nájera, Henríquez, Murillo e Guisao; Mejía, Bernal, Valencia e Medina; Cárdenas e Duque
Técnico: Juan Carlos Osorio

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade