Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Destaque no PSG, Marquinhos admite que pode defender seleção de Portugal

Lisboa (Portugal)

Contratado pelo Paris Saint-Germain no início da temporada, o zagueiro brasileiro Marquinhos pode estar perto de defender a seleção portuguesa. Na última quarta-feira, momentos após brilhar e marcar mais um gol com a camisa do clube parisiense, diante do Benfica, pela 2ª rodada da Liga dos Campeões da Europa, o defensor admitiu que não hesitaria em jogar pelo selecionado luso caso fosse convocado.

“Tenho dupla nacionalidade, brasileira e portuguesa. Tudo tem que ser estudado, analisado com o meu empresário e com a família. Se o convite [para seleção portuguesa] vier, porque não? Vou ficar muito honrado e feliz”, afirmou Marquinhos, em entrevista ao canal português Sport Tv.

Revelado pelo Corinthians, o zagueiro foi emprestado à Roma no segundo semestre de 2012. Na ocasião, o clube alvinegro embolsou 1,5 milhões de euros (R$ 4,4, milhões) e fixou o valor de uma futura compra dos italianos em três milhões de euros (R$ 8,8 milhões). Ao fim do empréstimo, a equipe romanista exerceu seu poder e desembolsou cinco milhões de euros (cerca de R$ 13 milhões, à época) pelo jovem zagueiro.

No início desta temporada, Marquinhos foi negociado por 32 milhões de euros (aproximadamente R$ 102 milhões) com o Paris Saint-Germain, após ser cobiçado por clubes como Manchester United e Barcelona. No clube francês, já anotou três gols (dois deles pela Liga dos Campeões da Europa) e vem formando dupla de zaga titular ao lado de Thiago Silva. Caso seja convocado e, de fato, defenda a seleção portuguesa, o zagueiro seguirá o mesmo caminho dos também ‘luso-brasileiros’ Pepe, Liedson e Deco.

AFP
Sem espaço com Luiz Felipe Scolari, jovem zagueiro Marquinhos pode efender a seleção portuguesa

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade