Futebol/Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Diretoria palmeirense reúne elenco e promete ação contra arbitragem

Luiz Ricardo Fini São Paulo (SP)

Os jogadores do Palmeiras perderam a paciência com a arbitragem na derrota por 3 a 2 para o ABC, na tarde de sábado, pela Série B do Campeonato Brasileiro. Por isso, a diretoria palmeirense reuniu o elenco ainda em Natal e prometeu que tomará providências para evitar novos erros em jogos do clube.

“Foi um papo interno, porque eles são os responsáveis por isso. Falaram para nos tranquilizar, já que tínhamos ficado com a cabeça quente, todo mundo estava se queixando no vestiário. Eles estão de olho”, afirmou o atacante Alan Kardec.

O diretor executivo José Carlos Brunoro estava com o grupo em Natal e foi o escolhido para dar explicações aos atletas. Ainda nos vestiários do estádio Frasqueirão, o dirigente concedeu entrevista e fez críticas ao desempenho de Marcos André Gomes da Penha na condução da partida.

Fernando Dantas/Gazeta Press
José Carlos Brunoro reclamou bastante da arbitragem depois da derrota para o ABC, no sábado
Os alviverdes criticaram pelo pênalti marcado no segundo gol do ABC, além de contestarem pelo árbitro não ter assinalado infração duas vezes sobre Caio na área. Para completar, os palmeirenses reclamam por um gol de Alan Kardec ter sido anulado.

“É um assunto que foge do controle dos jogadores, não tem como dar uma declaração porque qualquer coisa que dissermos pode se virar contra nós. Os responsáveis do clube estão de olho nisso. Erros podem acontecer, mas nos deixam chateados”, acrescentou Kardec.

A diretoria planeja enviar um documento para reclamar formalmente contra a arbitragem na Confederação Brasileira de Futebol. A ação também contará com um vídeo dos lances polêmicos.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade