Futebol/Copa do Brasil - ( - Atualizado )

Furacão comemora vaga inédita após jogo de muita marcação

Do correspondente Luiz Felipe Fagundes Curitiba (PR)

O Atlético Paranaense garantiu sua vaga em uma inédita semifinal de Copa do Brasil após eliminar o Internacional com em um empate sem gols na Vila Capanema, em jogo muito pegado em Curitiba. O meia Zezinho garante que o time já esperava esse panorama na partida, que chegou a ter lances mais quentes, mesmo após o apito final, mas soube se postar diante de um adversário complicado.

“A gente sabia da escola gaúcha, que bate muito. Mas a gente se impôs dentro de casa, não fez o gol, mas conseguiu a classificação”, afirmou o jogador, justificando a forte marcação imposta pelo time nos 90 minutos, deixando a partida truncada em alguns momentos. “O time marcou bem, era o que o jogo pedia”, acrescentou.

Para o atacante Douglas Coutinho, que entrou na segunda etapa, mais do que bola na rede, o que importava era a vaga para a próxima fase, que deixa o time no caminho certo para buscar um troféu que não faz parte ainda da galeria do clube. “Foi um jogo bastante pegado e não saiu o gol, mas o time teve garra e conseguiu uma classificação histórica”, avaliou.

Já o goleiro Weverton lembrou que no inicio da competição o Furacão não era apontado como um dos favoritos, mas aos poucos foi passando pelas fases, com naturalidade. “A gente merecia, ninguém acreditava no nosso time. Pegamos uma equipe muito forte. Agora é pensar no próximo jogo”, concluiu.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade