Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Juninho é denunciado por STJD por fazer gestos obscenos à torcida

Rio de Janeiro (RJ)

Além de brigar contra o rebaixamento, o Vasco tem mais uma dor de cabeça no Campeonato Brasileiro. Seu principal jogador, o meia Juninho Pernambucano, foi denunciado pela procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), acusado de infração dos artigos 243-F, 254 e 258-A do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD).

As penas para o jogador, que fez gestos obscenos à torcida e deu uma entrada violenta em um adversário podem variar entre um – pena mínima do artigo 254 – e catorze jogos – caso seja condenado a pena máxima em todos os artigos.

Outro que será julgado é o treinador Dorival Júnior, enquadrado no artigo 243-F por ter discutido e xingado o árbitro Ricardo Marques, de acordo com o que o mesmo, relatou na súmula.

O próprio árbitro também irá a julgamento. Acusado de infringir os artigos 259 e 266 do CBJD, que se referem a complacência com a violência e falta de aplicação de cartões e de anotações na súmula, Marques pode pegar de 15 a 120 dias de suspensão e multa de R$ 100 a R$ 1.000.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade