Futebol/Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Kleina admite atuação ruim e lamenta desfalques do Palmeiras

Juazeiro do Norte (CE)

O técnico Gilson Kleina reconheceu que o Palmeiras não teve uma boa atuação na partida contra o Icasa, na derrota por 1 a 0, na noite desta terça-feira. Depois de ter visto seu time errar muito na defesa e também mostrar falta de qualidade na frente, o treinador só pôde lamentar o resultado negativo nesta Série B do Campeonato Brasileiro.

“Fico triste por não poder dar alegria ao torcedor, que nos deu alegria aqui. O Icasa simplificou e até usou muito das faltas, mas não fizemos um grande jogo, criamos muito pouco e demos o gol, porque erramos. Quando o jogo está ruim, também não podemos facilitar as coisas”, afirmou.

No jogo em Juazeiro do Norte, Kleina não pôde contar com nove jogadores: Valdivia, Henrique e Eguren seguem com as seleções de Chile, Brasil e Uruguai, enquanto Vilson, Mendieta, Márcio Araújo, Wendel e Tiago Alves não tiveram condições clínicas. Por fim, Charles cumpriu suspensão automática.

“Quando vem com muitos desfalques e o tempo é curto, fica difícil, mas temos de solucionar, sempre olhando para frente. Sabia que não teria ritmo para alguns jogadores, mas pegamos uma equipe que marcou muito forte e não podemos tirar o mérito deles”, acrescentou o treinador.

No intervalo, Gilson Kleina tirou o zagueiro Marcos Vinícius para a entrada do meia Felipe Menezes. No decorrer da etapa final, Vinícius e Caio entraram nos lugares de Ananias e Leandro, mas nada puderam fazer.

“Nós tentamos, mas ficamos fragilizados no fim para contra-ataques. Vamos analisar bem a derrota, porque o tempo é curto e temos de jogar mais uma vez fora. Precisamos do resultado lá”, completou o técnico, já pensando no confronto com o Bragantino, no sábado, em Bragança Paulista.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade