Futebol/Brasileiro Série B - ( )

Kleina mostra alívio com fim de sequência fora de casa neste sábado

Luiz Ricardo Fini São Paulo (SP)

O técnico Gilson Kleina não esconde a satisfação por, enfim, encerrar a maratona de jogos do Palmeiras longe da capital paulista. Neste sábado, às 16h20 (de Brasília), em Bragança Paulista, o time alviverde completa seu sexto confronto seguido longe de casa, pela Série B do Campeonato Brasileiro, e o treinador já pensa no descanso que terá na sequência.

“Estamos há 20 dias viajando e parando muito pouco em São Paulo. Só chegávamos em casa para trocar de roupa e viajar. Claro que queremos o melhor resultado possível, que é a vitória, porque seria bom para todos antes da volta para casa, principalmente no lado emocional”, afirmou.

O último jogo do Verdão na capital paulista foi realizado no dia 28 de setembro, em empate por 0 a 0 com o América-RN. Depois disso, o líder da segunda divisão venceu como visitante o Oeste, em São José do Rio Preto, e perdeu para o ABC, em Natal.

Djalma Vassão/Gazeta Press
Gilson Kleina revela cansaço físico e emocional do grupo antes de sexto jogo seguido fora de casa
Em seguida, o time teria dois jogos em casa, mas foi punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva, em função de briga entre integrantes de suas duas principais organizadas no primeiro turno. Assim, as vitórias sobre Figueirense e Guaratinguetá foram obtidas em Londrina, que foi a cidade escolhida pela diretoria para receber os compromissos.

Já na rodada passada da Série B, o Palmeiras perdeu para o Icasa, em Juazeiro do Norte. Assim, neste sábado, o time chega ao Nabi Abi Chedid com desgaste físico por conta da série de viagens, mas Kleina aponta também para o cansaço emocional do grupo.

“Temos jogadores jovens, que foram pais recentemente, e as famílias sentem a ausência. É importante estar aqui (em São Paulo), não digo só pela mobilização nas partes física, técnica e tática, mas para poder também descansar”, comentou.

O tão esperado retorno ao estádio do Pacaembu está marcado para a rodada seguinte, contra o São Caetano, no dia 26, em jogo que marcará a estreia da camisa comemorativa do centenário (elaborada nas cores verde e amarela). Dependendo do resultado contra o Bragantino, o Verdão também tem a chance de garantir matematicamente o acesso diante do Azulão.

“Estamos com um retrospecto muito forte, fazendo uma campanha regular, mas o importante é pensar no Bragantino, para trazermos os pontos preciosos para São Paulo”, encerrou o treinador. Depois do jogo no interior, Kleina concederá dois dias de folga aos atletas, que, assim, repousarão no domingo e na segunda, retomando os trabalhos apenas na terça-feira.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade