Futebol/Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Kleina promete conversa para conter "irritações" de Leandro

Bragança Paulista (SP)

Assim como os jogadores, também Gilson Kleina admite a necessidade de controlar Leandro. O atacante foi expulso no começo do segundo tempo da partida deste sábado, contra o Bragantino, e pôs em risco a vitória do Palmeiras, que só foi consumada nos acréscimos.

"Quando não consegue fazer jogadas, ele se irrita. Ele é jovem e tem que entender que é visado e vai ser marcado sempre. Tem que ter controle, vai apanhar, vai tomar falta. Um jogador da qualidade dele, não podemos perder da maneira que perdemos", disse, em Bragança Paulista.

Leandro recebeu o segundo cartão amarelo deste sábado (o 12º ao longo de toda a Série B do Campeonato Brasileiro) aos cinco minutos do segundo tempo, depois de ser derrubado e acertar o marcador com a parte de baixo da chuteira. Ele já havia sido advertido na etapa inicial por cometer falta ao perder a bola no campo de ataque.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Atacante palmeirense foi expulso no começo do segundo tempo ao revidar falta sofrida no meio-campo
"A gente precisa conversar, não resta a menor dúvida. Vamos rever o lance. Ao meu ver, ele estava muito bem, era o desafogo, tinha o drible, a movimentação dele dava o espaço para o Luis Felipe chegar ao fundo. Chegou para mim que foi o revide. Quando ele levantou o vermelho, pensei que era para o jogador deles. Vamos conversar e ver o que vamos atribuir", falou Kleina.

O treinador revelou ter conversado com o atleta durante a semana, antes da viagem a Bragança Paulista. Mas para cobrá-lo tecnicamente. "Ele reconheceu que oscilou, caiu um pouquinho", falou, não sem elogiá-lo antes da futura dura. "Ele é diferenciado, inteligente, faz gol".

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade