Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Livro revela que Barça falou com Laudrup antes de Guardiola em 2008

Copenhague (Dinamarca)

Na próxima quarta-feira, o livro En Gentleman I Nye Klaeder (Um cavalheiro em traje novo) será lançado na Dinamarca, contando a história de Michael Laudrup, ex-meia e atual técnico do Swansea, que joga o Campeonato Inglês. A história que mais chamou a atenção na obra foi que o dinamarquês era o favorito para assumir o Barcelona, após a demissão de Frank Rijkaard em 2008, na frente de Pep Guardiola.

O capítulo em questão tem uma entrevista com o presidente do Getafe, Ángel Torres, clube que Laudrup treinou entre 2007 e 2008. ‘’Ele decidiu que não ia seguir no clube (tinha contrato em vigor) porque na primavera (europeia) de 2008 tinha entrado em contato com o diretor esportivo do Barcelona, Txiki Begiristain’’. Torres continuou: ‘’Inicialmente o Barcelona queria que ele substituísse Rijkaard. O presidente do Barcelona, Joan Laporta, queria ele’’.

Torres revelou também que o próprio Begiristain confirmou o interesse dos catalães no dinamarquês, em um sorteio da UEFA, em 2008.

O livro conta que Laudrup tinha o visto positivo de Johan Cruyff, lenda do clube, e indica que foi pedido ao dinamarquês um dossiê onde ele demonstrasse sua visão futebolística e esboçando um projeto para o clube catalão. No final, o clube preferiu Pep Guardiola, que na época treinava a equipe B dos blaugranas.

Laudrup foi procurado pelo jornal dinamarquês Ekstra Bladet e se negou a declarar sobre sua possível passagem no Camp Nou, em 2008.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade