Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Mancini pensa na Copa do Brasil e quer Furacão inteiro contra Inter

Do correspondente Luiz Felipe Fagundes Curitiba (PR)

Jogadores e comissão técnica do Atlético Paranaense foram quase unânimes em culpar o calor de Goiânia pela derrota do final de semana diante do Goiás, pelo Campeonato Brasileiro 2013. O técnico Vagner Mancini, entretanto, garante que o time foi avisado dos perigos do Serra Dourada, mas não teve a atenção necessária.

“Sabia que a nossa equipe sentiria o calor, jogando com o sol das 15 horas e em um campo com dimensões maiores”, disse o treinador, que aproveitou para poupar alguns jogadores visando ter um time inteiro na Copa do Brasil, pela qual na quarta-feira a equipe enfrenta o Internacional. “Na quarta preciso do Deivid, do Zezinho e do Ederson, por isso usei atletas que não podem jogar diante do Inter. Sabia que iríamos nos desgastar muito e fiz essa opção”, explicou.

Sobre o mata-mata, Mancini pede cautela, mesmo tendo o Rubro-negro a vantagem de decidir a vaga e casa com um empate sem gols ou uma vitória simples. “O Inter é uma equipe que joga muito bem fora de casa e temos que estar atentos. Vamos jogar com intensidade desde o início do jogo, como estamos acostumados”, afirmou.

Para ajudar na tarefa, o treinador convoca o torcedor, que se anima com um chance direta de chegar à Libertadores e ainda de conquistar um título inédito. “Sabemos que o torcedor irá nos apoiar na quarta-feira. A torcida tem uma importância muito grande e enfrentaremos uma decisão difícil. Com todos jogando juntos, as coisas poderão ficar mais fáceis”, concluiu.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade