Futebol/Campeonato Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Palmeirenses não comemoram acesso e põem título como objetivo

Luiz Ricardo Fini São Paulo (SP)

O acesso obtido pelo Palmeiras, neste sábado, não gerou comemoração aos jogadores do time. Assim que o árbitro Wilson Luiz Seneme apitou o término do empate por 0 a 0 contra o São Caetano, os jogadores deixaram o gramado de forma discreta, com poucos abraços.

O resultado sem gols frustrou os mais de 33 mil torcedores presentes no estádio do Pacaembu, e o goleiro Fernando Prass justificou a falta de comemoração por ter outro objetivo nesta Série B do Campeonato Brasileiro.

“Sinceramente, o retorno era questão de tempo, pela pontuação que fizemos ao longo do campeonato. O acesso podia ter sido antes ou hoje (sábado), como foi. Agora, vamos brigar pelo título. A expectativa de hoje era a vitória, mas conseguimos o objetivo de subir e, agora, vamos correr atrás dos pontos para sermos campeões”, afirmou o goleiro.

O chileno Valdivia, que se deitou no gramado assim que o jogo acabou, reforçou o discurso do colega de clube e demonstrou frustração por não ter conseguido vencer o São Caetano.

“Precisamos do título. Acho que nossa torcida e nosso grupo não vão se perdoar se não voltarmos (à primeira divisão) com o troféu”, comentou o chileno, de volta ao time depois de ter sido desfalque por cinco compromissos.

Confira retrospectiva do Palmeiras em fotos:

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade