Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Por briga, São Paulo perde quatro mandos e Corinthians é multado

Rio de Janeiro (RJ)

Em julgamento realizado na tarde desta sexta-feira pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva), São Paulo e Corinthians foram punidos por causa da briga envolvendo torcedores são-paulinos e a Polícia Militar, no clássico disputado dia 13 de outubro, no Morumbi. O Tricolor foi multado em R$ 80 mil, além de perder quatro mandos de campo - se a punição for mantida, o time comandado por Muricy Ramalho não atuará mais em casa neste Campeonato Brasileiro. Já o Timão foi apenas multado, em R$ 20 mil.

De acordo com a Polícia Militar paulista, a confusão no Majestoso começou quando são-paulinos lançaram uma bomba em direção aos corintianos e acabaram acertando um policial, que se feriu. Além disso, os torcedores do São Paulo tentaram, segundo informações da PM, invadir o setor destinado aos rivais, e um tricolor foi preso.

Os problemas se estenderam para além do estádio. Depois da partida, torcedores dos dois clubes se enfrentaram na Avenida Embaixador Macedo Soares, localizada na Zona Norte da capital paulista. O ônibus de uma organizada do São Paulo foi depredado por corintianos, e o saldo foi de um policial ferido e 21 são-paulinos detidos.

Os dois times foram enquadrados no artigo 213 do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva), que prevê punições a clubes que deixem de "tomar providências capazes de prevenir e reprimir: desordens em sua praça de desporto, invasão do campo ou local da disputa do evento desportivo e lançamento de objetos no campo ou local da disputa do evento desportivo". A pena para esses casos pode variar: perda de até dez mandos e multa entre R$ 100 e R$ 100 mil.

Esta é a segunda punição ao Corinthians neste Campeonato Brasileiro. O time de Parque São Jorge já havia perdido quatro mandos de campo e sido multado em R$ 80 mil por causa da briga entre corintianos e vascaínos no estádio Mané Garrincha, em Brasília, em partida disputada dia 25 de agosto.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade