Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Preocupado, Júlio César pode voltar ao Brasil em 2014: "Seria bom"

São Paulo (SP)

Júlio César já sabe que disputará a Copa do Mundo de 2014 pela Seleção Brasileira, mas ainda não sabe qual clube defenderá a partir de janeiro do próximo ano. Após permanecer no QPR, onde se envolveu em polêmica com diretoria e comissão técnica, o goleiro tem futuro totalmente indefinido.

Nesta quinta-feira, o técnico Felipão voltou a convocá-lo para a Seleção Brasileira, que disputará amistosos contra Honduras e Chile em novembro – no começo de setembro, o treinador afirmou que ele está garantido no elenco do Mundial, já que tem experiência e inspira confiança.

O novo chamado para defender o País foi muito comemorado pelo camisa 1, que se recuperou de contusão na mão recentemente. “Trabalhei para estar nessa convocação, e estou muito feliz. Quero ajudar o Felipão e o Parreira, que estão me ajudando muito”, disse em entrevista ao SporTV.

No time inglês, o carioca perdeu espaço e ficou fora até mesmo do banco de reservas durante alguns jogos do Campeonato Inglês, em que a equipe foi rebaixada para a segunda divisão. A explicação do treinador Harry Redknapp foi a de que os seus concorrentes atravessavam boa fase.

“Em janeiro, agora, vou ver se arrumo um clube pra jogar. Todos sabem muito bem que treinar é uma coisa, jogar é outra. Estou preocupado. Não sabia que iam fazer isso comigo. Acho que agora é a hora de tomar uma decisão pro meu futuro”, revelou, admitindo perder condição física até o Mundial.

Para que isto não aconteça, uma volta ao Brasil seria interessante. Até agora, o São Paulo, próximo de perder o ídolo Rogério Ceni para a aposentadoria, seria o maior interessado em repatriá-lo, mas vários torcedores do Flamengo pedem seu retorno para a Gávea, onde ficou entre 1998 e 2005.

“Ainda não recebi nenhuma proposta de clube brasileiro, mas, mediante a situação, acho que tudo é bem vindo. É claro que o futebol brasileiro está muito competitivo, mas seria bom ficar perto das críticas nesse momento; Sonho em ganhar Campeonato Brasileiro, Libertadores, Copa do Mundo...”, encerrou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade