Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Temida “confusão” volta a assombrar as Laranjeiras após clássico

Florianopolis (SC)

O Fluminense chegou a acumular oito partidas sem derrota no Campeonato Brasileiro e passou a traçar planos ambiciosos para chegar ao G-4. Bastaram três tropeços seguidos, incluindo a derrota por 1 a 0 para o Vasco da Gama, para que o objetivo dos tricolores na competição nacional passasse a ser a fuga das quatro últimas posições da tabela.

Restando ainda dois confrontos para o final da 27ª rodada (Portuguesa x Goiás e Flamengo x Internacional), o Tricolor ocupa a 12ª posição com 34 pontos, mas pode terminar a quinta-feira em 14º lugar caso as duas partidas terminem empatadas. E é justamente este equilíbrio na beira da zona de rebaixamento que deixava Vanderlei Luxemburgo preocupado nos bastidores.

“O discurso nosso sempre foi de sair da ‘confusão’. O discurso continua. O campeonato é muito equilibrado, com jogos disputados. Faz tempo que nós jogamos esse campeonato, sabemos como é. Não adianta se desesperar. Estamos preparados, não adianta desiquilibrar emocionalmente, temos um jogo complicado com o Grêmio pela frente e, quem sabe, retomar a sequência positiva com o apoio da torcida”, ressaltou Júnior Lopes, que substituiu Luxa no banco de reservas no clássico disputado em Santa Catarina.

Na saída do gramado da Ressacada, os jogadores mostraram estar em sintonia com a comissão técnica e também alertaram para os perigos dessa área na tabela de classificação. “Está perigoso demais. A gente tem que descansar, começar a ganhar logo e pontuar para sair dessa confusão”, pediu o lateral direito Bruno, sobre o duelo com o Grêmio, às 18h30 (de Brasília) no Maracanã.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade