Futebol/Eliminatórias Sul-americanas - ( - Atualizado )

Uruguai vence Argentina em casa, mas vai para a repescagem

Montevidéu (Uruguai)

A seleção do Uruguai derrotou a Argentina por 3 a 2, em partida disputada nesta terça-feira, no Estádio Nacional de Montevidéu. Apesar do resultado, a Celeste Olímpica se manteve na quinta posição das Eliminatórias Sul-americanas e vai disputar a repescagem contra a Jordânia, para buscar uma vaga na Copa do Mundo de 2014.

Os uruguaios ficaram com 25 pontos, empatados com o Equador, mas acabaram superados no saldo de gols. A Argentina já havia garantido a primeira posição da competição com 32 pontos ganhos. O Chile que bateu o Equador por 2 a 1, foi o terceiro classificado, com 28 pontos. A Colômbia que também já havia garantido sua vaga na rodada anterior, se despediu com vitória sobre o Paraguai por 2 a 1.

AFP
Luis Suárez teve atuação decisiva, mas só poderá sorrir após passar pela Jordânia na repescagem
O Uruguai começou a partida no ataque e a pressão surtiu efeito. Aos seis minutos, o time da casa marcou o primeiro gol. Suárez cobrou falta, pela direita, a zaga não conseguiu aliviar e a bola acabou sobrando para Cristian Rodríguez, que chutou cruzado para abrir o marcador.

A Argentina partiu para o ataque e empatou aos 14 minutos. Palacio cruzou, o zagueiro Godín escorregou, Augusto Fernández ajeitou e Maxi Rodríguez, livre, mandou para as redes de Muslera. O Uruguai não desanimou e seguiu buscando o gol de desempate, o que acabou conseguindo em lance polêmico, aos 34 minutos.

Cristian Rodríguez cruzou, Suárez dividiu com Sebá Domínguez e o árbitro brasileiro Marcelo de Lima Henrique assinalou pênalti, muito contestado pelos portenhos. Suárez bateu forte e anotou o segundo gol. A equipe argentina não perdeu a calma e acabou chegando ao empate, aos 41 minutos. Maxi Rodríguez recebeu pelo lado direito da área, escapou de Fucile e chutou cruzado para empatar.

A seleção do Uruguai voltou muito agressiva para o segundo tempo e marcou o terceiro gol, logo aos cinco minutos. Suárez foi lançado pelo esquerdo do seu ataque e lançou para Cavani que bateu forte na saída do goleiro Romero.

Como precisava de gols para melhorar o saldo, o time dirigido por Óscar Tabarez seguiu atacando. Aos 21 minutos, Cristian Rodríguez chutou cruzado e acertou a trave esquerda. Logo depois foi a vez de Suárez bater escanteio e Stuani, de cabeça, acertar o travessão.

Já classificada, a Argentina tocava a bola com tranquilidade, para tentar iludir a marcação uruguaia, mas a equipe celeste se defendia com muita bravura. No final, o Uruguai ainda tentou marcar os gols que poderiam lhe dar a classificação, mas seus atacantes desperdiçaram chances importantes.

AFP
O árbitro brasileiro Marcelo de Lima Henrique foi muito criticado pelos argentinos após a derrota nesta terça

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade