Futebol/Brasileiro Série A - ( - Atualizado )

Vice-líder, Grêmio tem seis desfalques para jogo contra o Criciúma

Do correspondente Vicente Fonseca Porto Alegre (RS)

Apesar da grande fase no Campeonato Brasileiro, o Grêmio também tem seus problemas. Para a partida contra o Criciúma eles são numerosos: nada menos que seis jogadores desfalcam a equipe do jogo desta quarta-feira, na Arena.

Quatro atletas estão suspensos: Ramiro, Bressan e Alex Telles, os três jovens contratados junto ao Juventude no começo do ano, receberam o terceiro cartão amarelo na vitória sobre o Boatfogo e cumprem a automática. O mesmo vale para Kleber, expulso no Maracanã no último sábado. Já Vargas e Riveros defendem suas seleções na rodada das eliminatórias e não jogarão os próximos três jogos do Tricolor.

Destes seis, o único que tem alguma chance de atuar é Riveros. Como o Paraguai está eliminado da Copa, o Grêmio tenta junto à federação guarani no mínimo um atraso na reapresentação do volante, para que ele possa encarar o Tigre. O diretor de futebol gremista, Rui Costa, no entanto, admite que a chance de que isso ocorra não é muito grande.

A partir desta segunda, o técnico Renato Gaúcho deve começar a encaminhar o novo time do Grêmio para a partida desta quarta. Nomes como Saimon, Adriano, Matheus Biteco, Wendell e Lucas Coelho, podem aparecer na equipe. Também não pode ser descartada uma volta dos antes titularíssimos Elano e Zé Roberto ao time principal, ou até mesmo uma troca de esquema, dados os problemas de escalação.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade