Atletismo/Maratona de Curitiba - ( - Atualizado )

Quenianos confirmam favoritismo e ganham no masculino e feminino

Curitiba (PR)

Os africanos continuam com grande competência em provas de longa distância do atletismo. Neste domingo, dois quenianos cruzaram à frente na disputa da Maratona de Curitiba. No masculino, a vitória foi de David Bowen, enquanto na disputa feminina o triunfo ficou com Mlakuen Jipkogei.

Na prova entre os homens, o brasileiro Elson Gracioli chegou a dar trabalho e liderou até o 29º quilômetro. No entanto, o sonho de vitória parou por aí. Em busca do segundo título seguido, David Bowen soube disparar no momento certo para cruzar a linha derradeira com o tempo de 2h20min22.

O Brasil obteve a segunda colocação na prova, com Alessandro Souza, mais de quatro minutos depois do vencedor. Outro queniano, Willi Kimutai, obteve o terceiro lugar na capital paranaense.

Na competição feminina, Malakuen Jipkogei conquistou a vitória com a marca de 2h50min53. Sua vantagem em relação à segunda colocada, a brasileira Adriana Domingos, foi superior a oito minutos. A queniana Dorice Todopus terminou a disputa em terceiro.



Confira os resultados das provas:


Masculino – 42KM
1º David Bowen (QUE) – 2h20min22
2º Alessandro Souza (BRA) – 2h24min53
3º Willi Kimutai (QUE) – 2h25min03


Feminino – 42KM
1ª Malakuen Jipkogei (QUE) – 2h50min53
2ª Adriana Domingos (BRA) – 2h59min34
3ª Dorice Todopus (QUE) – 3h00min37.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade