Futebol Internacional - ( - Atualizado )

Acordo entre LeBron e Beckham pode recolocar a Flórida na MLS

Miami (Estados Unidos)

Na próxima temporada, a liga de futebol norte-americana (MLS) pode ganhar um novo representante. Engajados na tarefa de recolocar a Flórida no contexto futebolístico nacional, LeBron James, astro do Miami Heat, e David Beckham, ex-jogador da seleção inglesa, negociam para fundar um clube do esporte bretão no estado da costa leste, ausente das competições da modalidade desde 2002, quando contou com o Miami Fusion.

“Há algum interesse de ambos os lados. David Beckham se tornou um bom amigo meu ao longo dos últimos anos, e eu acho que seria ótimo para a cidade de Miami ter um clube de futebol”, declarou LeBron, em entrevista à ESPN.

Além do mais, o jogador mais valioso da última temporada da NBA afirmou ter enxergado em Miami um grande potencial para o desenvolvimento da prática futebolística: “Eu acho que esta é uma ótima cidade para o futebol. Temos vários jovens jogadores do esporte aqui e poderemos trabalhar em cima disso”, expressou.

Dentre os principais jogadores do extinto Miami Fusion, estavam o colombiano Carlos Valderrama e o atacante Eric Wynalda, segundo maior artilheiro da história da seleção norte-americana, atrás apenas de Landon Donovan. A equipe também contou com os brasileiros Paulinho McLaren, atacante, e Ivo Wortmann, que dirigiu a equipe de 1998 a 2000.

Reprodução/Instagram
Em Miami a negócios, David Beckham aproveitou para visitar o hotel do Brasil, que enfrentou Honduras no Sun Life Stadium

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade