Futebol/Campeoanto Italiano - ( - Atualizado )

Agora líder do Milan, Kaká promete: "Vamos sair dessa fase"

Milão (Itália)

Em má fase neste início de Campeonato Italiano, em que faz a pior campanha desde a temporada de 1981/1982, quando foi rebaixado para a segunda divisão, o Milan vem apelando para o meia Kaká tanto dentro como fora de campo. E o meia chamou a responsabilidade para resolver os problemas.

“Vamos sair dessa situação”, afirmou o brasileiro em entrevista ao Sport Mediaset, receitando “força de vontade” ao elenco. Nesta quarta-feira, o time italiano visitará justamente o Barcelona, no Camp Nou, pela quarta rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa.

“Temos que reagir já contra o Barcelona, fazendo um grande jogo, assim como fizemos no primeiro turno”, analisou o camisa 22, que vem sendo o destaque da equipe do técnico Massimiliano Allegri desde que voltou de lesão na coxa. Contra o Barça, por exemplo, ele deu assistência para gol de Robinho.

AFP
Kaká prometeu que Milan dará volta por cima no Campeonato Italiano (foto: OLIVIER MORIN)
Mas o momento realmente não é bom. No final de semana, os rossoneros foram derrotados pela Fiorentina, por 2 a 0, em pleno San Siro, revés que motivou a filha do presidente do clube, Barbara Berlusconi – ex-namorada de Alexandre Pato –, a pedir “mudança de filosofia” na diretoria.

Perguntado sobre esta declaração, Kaká, sempre político, esquivou-se de polêmicas. “Já temos os problemas táticos e técnicos para resolver. Tenho a certeza de que o clube vai conseguir consertar as coisas”, opinou, antes de negar que seja um ‘conselheiro’ de Allegri nos vestiários.

A partir das 17h45 (de Brasília), Barça e Milan voltarão a medir forças na Champions League. Os culés lideram a chave H, com sete pontos, enquanto os rossoneros aparecem logo atrás, com dois tentos a menos. Já no Nacional, o Milan amarga a 14ª colocação.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade