Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Alecsandro explica 'sumiço' contra Goiás e ganha elogios de Cuca

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

O Atlético-MG não deu chances para o Goiás e goleou por 4 a 1, no Independência, com destaque para a movimentação de Tardelli, Luan e Fernandinho, que confundiram a marcação adversária. Alecsandro apareceu pouco na partida e explicou que a ideia era exatamente essa: sair da área para abrir espaços para os companheiros.

O jogador comemorou a vitória e o sucesso do esquema tático. “Foi um belo jogo contra uma equipe qualificada que luta por classificação na Libertadores. Tivemos uma grande exibição, com destaque especial para o Tardelli", elogiou.

Divulgação/Bruno Cantini/Atlético-MG
Alecsandro não se importou em ser coadjuvante no ataque atleticano
"Foi um jogo rápido, de movimentação, e eu procurei tocar o mínimo possível para deixar os companheiros bem posicionados, e foi uma esquema que deu certo”, prosseguiu o camisa 19.

O técnico Cuca elogiou o comportamento de Alecsandro e explicou que a movimentação do avante é fundamental para tirar os zagueiros adversários da área e abrir espaços para Tardelli, Luan e Fernandinho, que tiveram condições de criar várias jogadas em favor do Atlético-MG. Titular da posição, Jô foi poupado, por conta de dores no joelho.

“Se o Alecsandro fica fixo não tem diagonal porque os dois zagueiros adversários ficam plantados dentro da área. Se o centroavante sai, um zagueiro também sai e abre espaço para a diagonal. Às vezes o centroavante não participa de forma tão ativa, mas ele se movimenta para os outros fazerem a diagonal. O Tardelli e o Fernandinho são privilegiados em cima disso”, disse.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade