Futebol/ Liga dos Campeães da Europa - ( )

Atlético de Madri vai à Rússia para confirmar brilhante campanha

Madri (Espanha)

Pelo Grupo G da Liga dos Campeões, o líder Atlético de Madri, da Espanha, vai até a Rússia enfrentar o Zenit, da Rússia, equipe do brasileiro Hulk. O jogo será na cidade de São Petersburgo, nesta terça-feira, às 15h (de Brasília), no estádio Petrovsky. A equipe da capital espanhola, que tem como destaque o atacante Diego Costa, já tem a liderança do grupo assegurada, mas, mesmo assim, os jogadores garantem que o empenho será o mesmo diante dos russos. “Nosso time se caracteriza por ser ambicioso, queremos ganhar e querer algo mais é a base de nosso sucesso”, afirmou o meia Óliver Torres.

O técnico Diego Simeone, no entanto, considera entrar em campo com reservas ou, pelo menos, com um time mexido. Possibilidade que anima o jovem Óliver: “Desde pequeno sonho em jogar a Champions. Se tiver a sorte de estar em campo uns minutos, vou aproveitar”, afirmou.

Na contramão dos 100% de aproveitamento do time espanhol, o Zenit ocupa o segundo lugar no grupo, com apenas um ponto de diferença para o Porto. Uma vitória diante dos madrilenos é crucial para assegurar a classificação.

O comandante Luciano Spalletti’s afirmou que poderá dar chance a jogadores que não tem atuado tanto no campeonato local. “Eu posso dizer por mim e pelo time que não temos para onde recuar. Nós precisamos vencer e vamos jogar para isso.”, afirmou Oleg Shatov.

O jogador comentou ainda sobre o adversário e a derrota no último confronto. “O Atlético surpreendeu a todos esse ano. Estão em segundo na Espanha e já na próxima fase da Champions. Eles amam ter a posse de bola e foi isso que aconteceu no Estádio Vicente Calderon, mas aqui as coisas serão diferentes”, afirmou.

Um confronto particular que marcará a partida é o reencontro de Hulk e Miranda. No jogo de ida, ambos deixaram sua marca, mas o tento do atacante não foi suficiente para superar o eficiente trabalho do Atlético, que venceu por 3 a 1. Hulk é a grande esperança dos russos. Já Diego Costa, recuperado, e Miranda vão para a partida tentando dar sequência a brilhante fase que vive a equipe de Madri.

Força total em Portugal – Apenas a vitória interessa ao Porto, que recebe o Áustria Viena, nesta terça-feira, às 17h45 (de Brasília), no Estádio do Dragão. O técnico da equipe, Paulo Fonseca, declarou que vencer a partida é essencial. “O FC Porto entra sempre para ganhar e neste jogo é imprescindível fazê-lo. As coisas estão bastante claras, se quisermos passar para a próxima fase temos que vencer”, afirmou. A única novidade na lista do treinador é a presença de Mangala, o francês volta após ausência no último jogo contra o Nacional.

O Áustria Viena tem três derrotas e apenas um empate na competição. Caso vença, igualará o Porto em número de pontos ganhos e, contando com a derrota do Zenit na Rússia, ainda poderá sonhar com uma classificação.

AFP
Atlético de Madri se prepara para enfrentar o Zenit

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade