Futebol/Copa do Mundo 2014 - ( - Atualizado )

CBF bancará viagens de presidentes de federações para sorteio, diz jornal

São Paulo (SP)

Já de olho nas eleições presidenciais da CBF em 2015, o presidente da entidade máxima do futebol brasileiro, José Maria Marin, usará o sorteio dos grupos da Copa do Mundo de 2014, que será realizado em 6 de dezembro deste ano, na Costa do Sauípe, para ‘ganhar’ os seus eleitores. Segundo informações publicadas pelo jornal Folha de S.Paulo nesta sexta-feira, a CBF bancará uma viagem de luxo a todos os 27 presidentes de federações estaduais de futebol para a Bahia, onde ocorrerá o evento.

A intenção de Marin é estabelecer uma boa relação com os mandatários, que serão a maioria dos votantes da eleição presidencial da entidade em 2015, para que o seu vice, Marco Polo del Nero, seja escolhido para sucedê-lo daqui a dois anos. O pleito está marcado para abril de 2015. No total, são 47 votantes (presidentes das 27 federações e dos 20 clubes da Série A do Campeonato Brasileiro).

O diário informa que, na viagem à Costa do Sauípe, cada cartola terá direito a levar um acompanhante, poderá usufruir de um hotel de luxo por quatro dias e acompanhará a badalada cerimônia em um lugar privilegiado na plateia. O custo da excursão, bancada pela CBF, ultrapassaria os R$ 500 mil.

Marin já havia pagado viagens aos presidentes de federações durante os Jogos Olímpicos de Londres e a Copa das Confederações. Para o jogo contra a Itália, em Salvador, pela primeira fase da competição, por exemplo, ao menos 15 cartolas com poder de voto à eleição de 2014 foram acompanhar a partida sem custos.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade