Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Chamusca pede melhora após Coxa cair de produção no segundo tempo

São Paulo (SP)

O Coritiba só não deixou o Canindé com uma derrota para a Portuguesa porque o adversário deste sábado, pelo Campeonato Brasileiro, pecou nas finalizações. Após o empate sem gols em São Paulo, o técnico Péricles Chamusca tentou explicar a péssima atuação do seu time.

“A Portuguesa se movimentou mais, principalmente no segundo tempo, e dificultou o nosso sistema defensivo. Mas também caímos de produção. Esse somatório fez com que a gente desse muitos espaços pra eles”, analisou o treinador, que viu seus comandados sofrerem forte pressão no final do jogo.

Divulgação/Coritiba F.C.
Chamusca elege movimentação da Lusa e queda de produção do Coxa no segundo tempo como culpados por má atuação
Mas, já que tem chances consideráveis de terminar esta Série A rebaixado, o Coxa já precisa pensar na próxima rodada: na quarta-feira que vem, a equipe paranaense receberá o Corinthians, no Couto Pereira, pela 34ª rodada, sendo que o Timão também corre risco de degola.

De acordo com Péricles Chamusca, a preparação para este duelo será bem mais corretiva. “Temos que corrigir algumas coisas, pra que esse final de segundo tempo não aconteça mais”, finalizou o comandante alviverde, que vê o Coritiba na 13ª colocação, com 41 pontos – ainda há complemento da rodada.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade