Futebol/Copa do Brasil - ( - Atualizado )

Com um pé na final da Copa do Brasil, Flamengo recebe o Goiás

Gazeta Press Rio de Janeiro (SP)

Considerado favorito no confronto, o Flamengo recebe o Goiás nesta quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), no Maracanã, pela volta das semifinais da Copa do Brasil. O Rubro-Negro colocou uma das mãos na vaga na final ao derrotar o rival na ida por 2 a 1, em Goiânia. Como os gols marcados fora de casa valem para critério de desempate, os cariocas se classificam até mesmo em caso de derrota por 1 a 0. Os goianos levam a disputa para os pênaltis se devolverem o 2 a 1.

Jayme de Almeida, técnico do Flamengo, vem trabalhando o aspecto psicológico de seus jogadores, pois sabe da importância de se entrar em campo respeitando o adversário para não ser surpreendido. O treinador advertiu para os perigos de o Rubro-Negro considerar a classificação garantida.

“O nosso grupo foi alvo de muitas críticas ao longo do ano, mas conseguiu reagir e mostrar seu valor porque sempre trabalhou com humildade e determinação. Portanto, não podemos deixar que uma dessas duas coisas venha a nos faltar neste momento. Teremos muitas dificuldades pela frente neste jogo contra o Goiás, ainda mais porque o adversário vai explorar a maior responsabilidade que caiu sobre as nossas coisas após a primeira partida”, disse.

Divulgação/Flamengo
Torcida flamenguista do Maracanã é a principal aposta para time confirmar classificação para a final
Os jogadores do Flamengo também estão adotando um discurso bem humilde e evitando dar declarações polêmicas. Além disso, preferem esquecer o Goiás e valorizar a própria preparação, também demonstrando muita preocupação em contarem mais uma vez com o Maracanã lotado, a exemplo do que aconteceu em fases anteriores.

“Conseguimos chegar até aqui porque os torcedores nunca deixaram de nos apoiar e sempre compareceram em grande número quando as partidas foram disputadas no Rio de Janeiro. Mais uma vez vamos precisar deste apoio, pois é muito importante que os torcedores entendam que ainda faltam 90 minutos e que a classificação não está assegurada. Apenas demos um grande passo para a final com a vitória na ida, que não terá nenhuma utilidade se formos superados neste duelo no Maracanã”, alertou o experiente lateral Leonardo Moura.

Em termos de escalação, Jayme de Almeida, que poupou parte dos titulares na vitória de 1 a 0 sobre o Fluminense no domingo, pelo Campeonato Brasileiro, não tem problemas e vai repetir a formação que venceu a partida de ida.

Pelo lado do Goiás, que no fim de semana ganhou por 1 a 0 do Botafogo, o técnico Enderson Moreira também vem trabalhando o aspecto psicológico dos jogadores, mas no sentido de mostrar a eles que é possível surpreender o Flamengo e deixar o gramado do Maracanã com a classificação para a decisão.

Divulgação/Goiás E. C.
Correndo contra o tempo, Walter é a principal dúvida para o duelo
“O Flamengo conseguiu uma grande vantagem, mas ainda existem 90 minutos e esse grupo do Goiás não se entrega facilmente. Quem for ao jogo vai perceber um Goiás aguerrido e lutando desde o primeiro minuto pelo direito de disputar a final da Copa do Brasil”, prometeu Enderson.

Para este jogo, a grande preocupação no Goiás continua sendo o atacante Walter, que vem sofrendo com dores na coxa direita, mas alimenta a esperança de jogar. Caso ele seja vetado, Júnior Viçosa segue no posto. No meio-de-campo, duas mudanças: o volante Amaral retorna se suspensão e assume o lugar de Thiago Mendes. Já o meia Hugo, suspenso por acúmulo de cartões amarelos, abre uma oportunidade para o jovem Paulo.

O classificado deste duelo entre Flamengo e Goiás vai enfrentar na grande decisão quem sair vitorioso do confronto entre Grêmio e Atlético-PR, que se enfrentam também nesta quarta, no mesmo horário, em Porto Alegre. Na ida, em Curitiba, os paranaenses ganharam por 1 a 0 e agora dependem de um simples empate.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO X GOIÁS

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 6 de novembro de 2013, quarta-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (Fifa-RS)
Assistentes: Carlos Berkenbrock (SC) e Carlos Augusto Nogueira Júnior (SP)

FLAMENGO: Paulo Victor; Leonardo Moura, Wallace, Chicão e André Santos; Amaral, Luiz Antônio, Elias e Carlos Eduardo; Paulinho e Hernane
Técnico: Jayme de Almeida

GOIÁS: Renan; Vítor, Ernando, Rodrigo e William Matheus; Amaral, David, Eduardo Sasha, Paulo e Roni; Júnior Viçosa (Walter)
Técnico: Enderson Moreira

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade