Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Contra líder, Claudinei diz: “Não podem querer mais do que a gente"

Do correspondente Rodrigo Martins Santos (SP)

O Santos enfrenta o Cruzeiro, no próximo domingo, a partir das 17 horas (de Brasília), na Vila Belmiro. O Peixe precisa de uma vitória diante do líder do Campeonato Brasileiro para ainda se manter com esperanças de classificar para a próxima Copa Libertadores da América. Mas o técnico Claudinei Oliveira sabe que, apesar da necessidade de conquistar um resultado positivo, a equipe praiana deve ter uma tarefa difícil contra a Raposa.

“Não sei se dá para chamar qualquer resultado contra o Cruzeiro de tropeço. É o líder absoluto e virtual campeão brasileiro, a não ser que aconteça algum acidente de percurso. Trata-se de uma equipe muito qualificada, com um elenco muito bom, o melhor do Brasileirão. Vamos tentar vencer porque precisamos somar pontos”, disse o treinador santista.

Claudinei destacou que os seus comandados devem apresentar uma vontade de ganhar superior a do adversário, dentro de campo. “Eles não podem querer mais do que a gente. A gente precisa mais do (resultado do) que eles. O Cruzeiro está pelo menos na Libertadores (2014), nós ainda estamos buscando o nosso objetivo, querendo algo a mais. Vamos procurar fazer um bom jogo e vencer”, comentou.

O técnico alvinegro ainda ressaltou que a partida contra o Cruzeiro pode impulsionar uma série positiva do seu time, nesta reta final do Brasileiro. O Santos ocupa a oitava posição no campeonato, com 44 pontos, oito a menos do que o Atlético-PR, quarto colocado e último integrante do G-4.

“Nas últimas quatro rodadas, somamos oito pontos (vitórias sobre Ponte Preta e Náutico, além de empates com Internacional-RS e Corinthians). Precisamos conseguir algo a mais. Queremos duas ou três vitórias consecutivas, para olharmos com mais carinho para essa situação de vaga na Libertadores”, emendou Claudinei Oliveira.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade