Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Corinthians vê em jogo contra Fluminense última cartada por milagre

São Paulo (SP)

Terminada a 32ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Corinthians ocupa a 12ª colocação, com 42 pontos. É grande a distância para a zona de classificação à Copa Libertadores, mas os jogadores e o técnico Tite se recusam a admitir que ela esteja fora do alcance.

“Depende fundamentalmente do próximo jogo. Abre perspectiva. Vencer é fundamental”, afirmou o comandante alvinegro, referindo-se ao confronto com o ameaçado Fluminense, marcado para o próximo domingo, na cidade de Araraquara.

O quarto colocado do Nacional, o Botafogo, tem 53 pontos. A esperança de que a zona de classificação passe de G-4 para G-5 – caso um dos times da frente, como Grêmio e Atlético-PR, conquiste a Copa do Brasil – não chega a ser hoje muito alentadora, pois o Goiás, em quinto lugar, soma 52 pontos.

Divulgação/Agência Corinthians
Tite dirigiu o Corinthians em 15 empates na atual edição do Brasileiro (foto: Daniel Augusto Jr.)
Com dez a menos do que o time goiano, o Corinthians não tem nem número suficiente para se ver livre do risco de rebaixamento. Seis pontos separam o atual campeão mundial da zona da degola, e evitar a possibilidade de queda para a Série B parece um objetivo bem mais realista.

“A gente acredita na possibilidade (de Libertadores). Seria mais fácil com uma vitória em Salvador (o resultado foi mais um empate, por 1 a 1, com o Vitória). Agora, vamos ter que vencer o Fluminense para atingir 45 pontos e ficar mais tranquilos. É preciso voltar a vencer. Só com empates não vamos conseguir avançar”, disse Paulo André.

Com seis rodadas a ser disputadas, o time do Parque São Jorge pode atingir no máximo a marca dos 60 pontos. Nas contas de Tite, baseadas nas últimas edições do Campeonato Brasileiro e no equilíbrio da tabela neste ano, é possível sonhar com a quinta colocação com 57.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade