Motor/Fórmula 1 - ( - Atualizado )

De folga, Guerrero posa com carro de Vettel em Interlagos

São Paulo (SP)

Cortado do jogo contra o Flamengo após ter tomado medicação proibida, o atacante Paolo Guerrero aproveitou o domingo de folga para acompanhar o GP de Fórmula 1 de Interlagos. Pé quente, o peruano visitou os boxes da Red Bull e posou ao lado do carro do alemão Sebastian Vettel, atual tetracampeão da categoria e vencedor da prova em São Paulo.

Esta foi a primeira corrida de Fórmula 1 que Guerrero acompanhou ao vivo. Ex-jogador de Bayern de Munique e Hamburgo, o atacante revela que teve chance na Alemanha, o que não se concretizou. O carinho pelo país, no entanto, o tornou fã do piloto da Red Bull.

“Quando joguei na Alemanha recebi alguns convites, mas, por causa dos jogos, nunca consegui ir. Só consegui porque estou lesionado. Fiquei impressionado com a quantidade de detalhes e a tecnologia envolvida nos carros. Gostei muito e espero poder vir outras vezes, até porque vim para torcer para o Vettel e ele venceu”, relata.

Artilheiro alvinegro no ano, com 18 gols, Guerrero desfalcou o Corinthians em dez partidas devido a lesão no pé esquerdo. Após passar por cirurgia, o atacante treinou normalmente na última semana e era esperança do técnico Tite para acabar com a seca de gols do time, mas acabou ingerindo substância proibida e foi poupado para evitar possível flagra em exame antidoping. O peruano será submetido a avaliação sanguínea nos próximos dias para saber se poderá participar das últimas duas partidas do Timão na temporada.

Divulgação/Red Bull
Guerrero aproveitou folga no Campeonato Brasileiro para finalmente "estrear" na F-1

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade