Futebol/Campeonato Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Diretor do Atlético-GO prega seriedade para decisão contra o Guará

Goiânia (GO)

Até os seis minutos da etapa final, o Atlético-GO perdia para o Oeste, no estádio dos Amaros, em partida válida pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O resultado negativo, no interior paulista, selava o rebaixamento da equipe goiana. Porém, com três gols de Fábio Lima, o Dragão virou o marcador e triunfou por 4 a 2. Agora, os comandados de Gilberto Pereira dependem apenas de suas forças para permanecerem na competição, já que, na última rodada, enfrentam o Guaratinguetá, 16º colocado, no Serra Dourada. Em caso de vitória, o Rubro-Negro derruba o Tricolor do Vale e escapa da degola.

O triunfo em Itápolis foi muito comemorado pelo diretor do clube, Adson Batista, que também fez questão de interromper a euforia para buscar o resultado positivo, na última rodada: “Esse é um momento de muita alegria e felicidade. Mas, a partir de segunda-feira, já teremos que ter muita seriedade. Será um jogo muito difícil contra o Guaratinguetá. Vivemos momentos complicados, pois convivemos com maus profissionais e não é fácil fazer mudanças no elenco ao longo da competição”, revelou.

Por fim, o diretor rubro-negro fez questão de convocar a torcida para a “decisão” em Goiânia: “Dependemos apenas de nós. Agora, todo mundo que torce para o Atlético-GO ou gosta do futebol goiano, tem que ir no jogo sábado, pois o clube renasceu no campeonato”, completou.

Porém, para a partida final, o comandante rubro-negro não poderá contar com seu grande destaque em Itápolis: o meia Fábio Lima recebeu o terceiro cartão amarelo e está suspenso. No momento de sua substituição, o jogador deixou o gramado chorando.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade