Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Durval mostra mágoa com Santos e deve sair no final do ano

Santos (SP)

Após quase quatro anos no Santos, o zagueiro Durval já pensa em sua despedida do clube. Muito vitorioso, tendo conquistado seis títulos com a camisa santista, o jogador mostra indignação sobre seu momento atual no Alvinegro da Vila Belmiro, e só pensa no final deste Campeonato Brasileiro para poder sair da equipe.

"Eu esperava sair do Santos de uma forma positiva, até pela história que construí nesse clube. Mas infelizmente algumas pessoas recebem ordens de outras e essas coisas acabam acontecendo. Eu não vejo a hora do Campeonato Brasileiro acabar para seguir meu rumo", disse Durval ao Jornal A Tribuna.

Desde setembro, o jogador amarga o banco de reservas, quando o técnico Claudinei Oliveira preteriu o defensor veterano pelo jovem Gustavo Henrique. Segundo Durval, isso só aconteceu porque alguns dirigentes pressionaram o treinador, que rapidamente acatou os pedidos.

O técnico rebateu as declarações do zagueiro, dizendo que o momento de Gustavo Henrique é muito melhor do que o do experiente jogador: "Durval tem histórico maravilhoso, baita zagueiro, um dos melhores dos últimos tempos. Gustavo está num momento melhor, opção minha, de momento. Conversei com o Durval. Tem um incomodo posterior da coxa, deve ficar fazendo recuperação, mas a não escalação não é por isso. Opção minha".

Durval não se convence com os argumentos de Claudinei Oliveira, e diz que a zaga era melhor quando ele estava jogando no time titular. "Nossa defesa era a segunda ou a terceira melhor. Não havia motivos para a mudança", disse o defensor. De fato, o Santos só perdia em números para o Corinthians, que tinha 11 gols sofridos, contra 19 do Peixe.

O contrato do jogador expira no final deste ano. O zagueiro concluiu mostrando muita mágoa: "Esperava outro tratamento depois de tudo que fiz pelo Santos".

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade