Futebol/Campeonato Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Eduardo Ramos prevê jogo difícil contra o Bragantino: "Time chato"

Belo Horizonte (MG)

Na tarde desta segunda-feira, o elenco do Paysandu se reapresentou, no estádio da Curuzu, visando à reta final do Campeonato Brasileiro da Série B. Enquanto que os jogadores atuantes no duelo contra o Icasa, vencido pela equipe cearense por 2 a 1, deram voltas ao gramado e participaram de trabalhos físicos, os reservas e não relacionados realizaram um jogo coletivo contra a categoria sub-17. Após as atividades, o meia Eduardo Ramos projetou uma sequência de dois triunfos nas últimas rodadas da competição e fez questão de discorrer sobre o Bragantino, seu adversário deste sábado, em Belém.

“Temos um grande jogo pela frente, diante do Bragantino, e vamos buscar a vitória. Com os três pontos em nossos domínios, podemos embarcar para o Recife com mais tranquilidade, para o duelo contra o Sport. Porém, estamos cientes da responsabilidade que é deixar o Paysandu na Série B do Brasileiro”, declarou o jogador.

Sobre o oponente deste final de semana, o Massa Bruta, o meia não poupou palavras: “Temos que esquecer a derrota passada, que nos desgastou bastante, e tirar forças para o próximo jogo. O Bragantino é um time chato e sabe jogar fora de casa”, admitiu.

Para o confronto diante da equipe paulista, o técnico Vágner Benazzi não poderá contar com o zagueiro Fábio Sanches, expulso no compromisso passado, em Juazeiro do Norte. Para suprir tal ausência, o comandante bicolor tem três opções: Dirceu ou Leonardo d’Agostini, atletas da posição, ou o improviso do lateral Pablo na zaga, fato que promoveria a entrada do meia Diego Barboza no setor esquerdo da defesa.

Após medir forças com o Bragantino, às 16h20 deste sábado, em Belém, o Paysandu visita o Sport, em Recife, no dia 30 deste mês. O clube paraense entra na 37ª rodada da competição como membro da zona de rebaixamento, ocupando o 17º posto, com 39 pontos.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade