Futebol/Campeonato Brasileiro Série A - ( )

Elias se emociona ao marcar e festeja com abraço apertado em Oswaldo

Rio de Janeiro (RJ)

Aos 27 minutos do primeiro tempo, Renato levantou a bola na área, o holandês Seedorf escorou de cabeça, a zaga do Furacão vacilou e Elias mostrou oportunismo para inaugurar o marcador no Maracanã. Na comemoração do gol que originou a goleada do Glorioso, por 4 a 0, sobre o Atlético-PR, o atacante não conteve a emoção, saiu chorando e foi abraçar o treinador Oswaldo de Oliveira.

Na saída de campo, o jogador explicou sua comemoração. Depois de uma semana tenta para o elenco do Glorioso, com protesto dos torcedores e cobrança em cima dos jogadores, Elias reconheceu o trabalho feito por Oswaldo de Oliveira para manter a motivação do grupo nesta reta final de Campeonato Brasileiro.

“Eu fico feliz em marcar. Eu já tinha falado, antes daquela derrota para o Inter, que, se fizesse um gol, eu homenagearia o Oswaldo (de Oliveira), pelo trabalho que ele tem feito. É um treinador que dispensa comentários”, destacou Elias, depois de dar um abraço apertado no comandante alvinegro e não esconder o choro de alívio.

O jogador de 26 anos, emprestado pelo Resende nesta temporada, está voltando de contusão e admitiu que atuou no sacrifício. Desta forma, Elias, na metade do segundo tempo, foi substituído por Bruno Mendes – que entrou e ainda marcou dois gols no fim da partida. A torcida alvinegra, no entanto, reconheceu o esforço do atacante e aplaudiu sua atuação no Maracanã.

A partida deste sábado era fundamental na briga por uma vaga na Libertadores de 2014. Com o resultado positivo, o Botafogo reencontra o caminho das vitórias após três rodadas. Desta forma, o Glorioso chega aos 57 pontos, na terceira colocação, um a menos do que o vice-líder Atlético-PR. Para seguir vivo na briga por uma vaga, a equipe de General Severiano encara São Paulo no próximo domingo

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade