Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Fluminense vê vitória sobre Santos como alívio para a reta final

Gazeta Press Rio de Janeiro (SP)

Na 15ª colocação do Campeonato Brasileiro, com 42 pontos, o Fluminense está fora da zona de rebaixamento só pelos critérios de desempate. Portanto, é fundamental atingir uma pontuação que lhe dê tranquilidade o mais rápido possível. Justamente por isto, após duas vitórias como mandante, o Tricolor carioca mira a trinca contra o Santos, neste domingo, às 17 horas (de Brasília), em Presidente Prudente (SP), pela 36ª rodada. Os jogadores entendem que somar três tentos como visitante neste momento pode ser o alívio na reta final.

“Ganhamos dois jogos em casa e fizemos a nossa obrigação. Porém, ainda estamos muito longe de termos tranquilidade. Uma vitória sobre o Santos pode nos dar uma tranquilidade, já que seria um passo decisivo. Ganhando, vamos para 45 pontos, que é uma pontuação mais próxima da primeira divisão. Além disso, com a rodada que se desenha, vencendo, vamos abrir vantagem sobre quem está atrás ou ganhar posições na tabela”, disse o volante Edinho.

O atacante Rhayner concorda com o companheiro. Ele é mais um a lembrar que alguns concorrentes diretos irão se enfrentar nas próximas rodadas, o que pode beneficiar o Tricolor.

“Sabemos que alguns confrontos diretos vão acontecer nas próximas duas rodadas e isso vai fazer com que alguns concorrentes nossos não consigam pontuar e subir na tabela. Se conseguirmos um bom resultado contra o Santos, ganhando o jogo, temos condições até mesmo de darmos uma bela distanciada e a partir daí projetar as rodadas finais com um pouco mais de tranquilidade. O que acontecer em Presidente Prudente não vai mudar a nossa situação definitivamente, mas pode nos dar mais calma para seguir com o trabalho. Estamos cientes disso, muito concentrados nesta partida e aproveitando os dias livre de jogos para assimilarmos bem o que a comissão técnica está passando”, disse Rhayner.

Nelson Perez/Fluminense FC
Tricolores querem trinca para voltarem a ter tranquilidade na reta final do Campeonato Brasileiro
Dentro de campo, o técnico Dorival Júnior comandou uma atividade tática na manhã desta quarta-feira, nas Laranjeiras, e deixou claro qual time pretende escalar diante dos santistas. A única modificação em relação à escalação que derrotou o São Paulo deverá ser a entrada do zagueiro Anderson na vaga de Gum, que vai cumprir suspensão por conta do terceiro cartão amarelo.

Apesar de o meia Wágner ter sido preservado das atividades por conta de um incômodo na coxa, ele não preocupa para domingo. No treino desta quarta, que teve a visita de Deco, sua função foi desempenhada por Felipe. Desta maneira, se nada de anormal acontecer até a hora do jogo, o Tricolor vai a campo com: Diego Cavalieri; Igor Julião, Leandro Euzébio, Anderson e Digão; Edinho, Jean e Wágner; Rhayner, Samuel e Rafael Sobis.

O lateral-direito Bruno e o volante Diguinho, que se recuperam de lesões musculares, deram voltas ao redor do campo e dificilmente serão relacionados para o duelo. Nesta quinta, os jogadores voltam a trabalhar na parte da manhã, novamente nas Laranjeiras. A viagem para o interior paulista deverá acontecer na sexta.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade