Futebol/Copa 2014 - ( - Atualizado )

Guindaste cai na Arena Corinthians, e duas pessoas morrem

São Paulo (SP)

Um grave acidente aconteceu no início da tarde desta quarta-feira na Arena Corinthians. Três estruturas metálicas da arquibancada, localizadas no setor leste do estádio, foram atingidas por um guindaste que caiu, e acabaram desabando.

Ao contrário das informações iniciais, que davam conta de três mortos, o chefe do Corpo de Bombeiros, Mauro Lopes, confirmou a morte de duas pessoas, já identificadas - o motorista e operador Fabio Luiz Pereira, 42 anos, e o montador Ronaldo Oliveira Santos, 44.

O Corpo de Bombeiro enviou uma equipe, e o helicóptero Águia, da Polícia Militar, já está no local. O estádio, que ainda está em obras, foi evacuado rapidamente. Sete ambulâncias do Samu fizeram o atendimento inicial das vítimas.

Em comunicado, a diretoria corintiana declarou “lamentar profundamente o acidente ocorrido há pouco na Arena Corinthians”.

Ex-presidente do Corinthians e responsável pela arena, Andrés Sanchez estava no local na hora da tragédia. O mandatário, que prestigiava um evento comemorativo à parceria com a Caixa Econômica Federal e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), ficou bastante irritado com o episódio e chegou a entrar em confusão com um jornalista.

O estádio, que receberá o jogo de abertura da Copa do Mundo de 2014, tinha, até o último balanço da construtora Odebrecht, divulgado em novembro, 94 % das obras concluídas.

O Corinthians pretendia tirar proveito da festa pelos 460 anos de São Paulo, em 25 de janeiro, para utilizar a sua arena pela primeira vez em um jogo de futebol. A ideia era promover uma partida entre funcionários do clube e operários da Odebrecht.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade