Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Guto lamenta bola na trave e fala em “jogo chave” contra o Coritiba

São Paulo (SP)

Apesar do desempenho ruim no segundo tempo, a Portuguesa teve a chance de empatar com o São Paulo em chute de fora da área do atacante Gilberto. A bola, no entanto, explodiu na trave e, segundo o técnico Guto Ferreira, liquidou as chances da Lusa na partida.

“Temos que lamentar o lance do Gilberto, uma jogada individual que bateu na trave e não entrou”, disse o treinador, que considera que a Portuguesa poderia ter investido em lances como esse. “Faltou intensidade, proximidade, alguém que segurasse a bola e pudesse romper a linha defensiva do São Paulo”, analisa.

O comandante lusitano, no entanto, terá que digerir a derrota para o rival paulista rapidamente. Isto porque a Portuguesa faz confronto direto contra o rebaixamento com o Coritiba no Canindé, no próximo sábado.

“Precisávamos de mais, mas não adianta ficar chorando e abaixar a cabeça. Ainda temos seis rodadas e cabe à gente romper. O jogo do Coritiba Precisávamos de mais, não adianta ficar chorando e abaixar a cabeça, seguem seis rodadas e cabe à gente romper. O jogo do Coritiba é chave e a gente tem que ganhar para seguir aí na briga pela manutenção [na primeira divisão]”, conclui.

Com 39 pontos, a Portuguesa é a atual 14ª colocada na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro, podendo perder até duas posições com o complemento da rodada. Com um a mais, o Coritiba aparece logo acima, em 13º.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade