Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Indignado, Júlio Baptista vê tentativa de manchar título brasileiro

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

A declaração do armador Júlio Baptista, sugerindo um possível favorecimento ao Vasco, no jogo do último sábado, já tem gerado reclamações de outros clubes que prometem questionar a CBF sobre a situação. As câmeras de TV filmaram o jogador do Cruzeiro dizendo ao zagueiro Cris que era para o Vasco fazer logo outro gol na vitória carioca por 2 a 1, no Maracanã.

Neste domingo, Júlio Baptista tentou explicar a situação. Segundo ele, as acusações de favorecimento ao Vasco são uma tentativa de manchar o título do Cruzeiro que foi conquistado de forma antecipada. O atleta disse ainda que nunca cometeu atos de indisciplina e que tem a consciência tranquila.

“O Cruzeiro já é campeão, e é até uma forma de tentar manchar o que conquistamos. Que as pessoas saibam que sou um atleta muito correto. Podem confiar, estou muito indignado com tudo isso que aconteceu”, afirmou o jogador à rádio Itatiaia.

“Todos sabem da minha integridade, de como sou profissional e que, em 14 anos de carreira, nunca tive um ato de indisciplina. Infelizmente é um ato que acontece, muitas pessoas vão entender de outra forma, mas tenho minha consciência tranquila”, completou o camisa 10.

O armador acredita que o episódio não vai atrapalhar sua passagem pelo clube. “Sou uma pessoa do bem, nunca me envolvi em nada polêmico. Então, quando você tem isso a seu favor, as pessoas têm que saber mais um pouco sobre a pessoa que participou da polêmica e respeitá-la um pouco mais. Não vou deixar ninguém denegrir minha imagem por coisas que não venham ao futebol”, disse.

Washington Alves/Vipcomm/Divulgação
Jogador usa 14 anos de carreira sem polêmica para exigir respeito de quem duvida de seu profissionalismo

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade