Futebol/Copa do Brasil - ( - Atualizado )

Jayme fecha treino e mantém mistério sobre presença de Felipe na final

Porto Alegre (RS)

O último treino do Flamengo antes da decisão da Copa do Brasil, nesta terça-feira, foi cercado de mistério. Isto porque a presença da imprensa no gramado do Estádio Olímpico, onde o time se prepara para enfrentar o Atlético-PR, só foi liberada após 1h20 de atividade, quando os jogadores apenas treinavam cobranças de falta e penalidades máximas.

Com isso, o técnico Jayme de Almeida mantém a dúvida sobre quem defenderá a meta rubro-negra no Durival de Brito.

Titular durante todo o ano, Felipe retornou aos treinos nesta segunda-feira e está à disposição. Apesar de ter o nome gritado por alguns torcedores que presenciaram parte da atividade, o camisa 1 pode ser poupado pelo treinador, que tem escalado Paulo Victor na posição.

Alexandre Vidal/Fla Imagem
Retorno de Felipe pode ser principal surpresa do Fla no primeiro jogo da decisão
Orientado pela comissão técnica, o capitão Léo Moura não deu pistas sobre a decisão do treinador. “Infelizmente não posso passar nada para vocês. Vão ver a hora em que a bola rolar. Mas tenho certeza absoluta que quem entrar vai dar conta do recado, foi assim em todos os jogos. Será um jogo dificílimo, mas todos os companheiros estão com foco total. Cada jogador ali dará conta do recado”, garante.

Já o volante Amaral, que deixou o primeiro treino em Porto Alegre, na segunda, com dores na coxa esquerda, participou normalmente da atividade desta terça-feira e deve disputar a decisão.

A delegação do Flamengo segue para Curitiba nesta tarde, chegando à capital paranaense no final do dia. Lá, faz o primeiro jogo da final da Copa do Brasil contra o Furacão, às 21h50 (de Brasília) desta quarta.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade