Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Lugano afirma que "fantasma de 50" não retrata pensamento de atletas

Montevidéu (Uruguai)

O capitão da seleção uruguaia, Diego Lugano, emitiu um comunicado oficial em seu site pessoal, mostrando que os jogadores do Uruguai não pensam igual ao comercial feito no país sul-americano, que retrata a volta do fantasma da Copa de 1950 ao Brasil.

“Está claro que é apenas um comercial e valorizamos a boa intenção. Precisamos disso. Mas temos que ser inteligentes e não criar um clima contrário no país que até o último momento esteve torcendo para que a mística celeste fizesse parte da Copa”, escreveu o zagueiro, ex-jogador do São Paulo e atualmente no West Bromwich Albion, da Inglaterra.

Lugano continuou, afirmando que o Uruguai tem que ser humilde, e não agir com soberba. “Nós jogadores não encaramos de esse jeito nosso sonho mundial. A melhor maneira que temos de respeitar nossos heróis do passado (que nunca fizeram alarde sobre seu triunfo) é chegar com humildade, respeito e com o sonho intacto de chegar no topo. É a maneira de ser dos uruguaios, vamos que vamos!”, terminou o capitão da Celeste.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade