Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Maior artilheiro da história do JEC, Lima acerta rescisão contratual

Joinville (SC)

A diretoria do Joinville e o atacante Lima chegaram a um acordo nesta sexta-feira, e o jogador de 31 anos rescindiu seu contrato com o clube catarinense. Maior artilheiro da história do JEC, com 140 gols, o jogador fez questão de escrever uma carta endereçada aos torcedores e publicada no site oficial do Joinville.

“Tive muitos altos e baixos aqui nestes cinco anos que estive no Joinville, com lesões e problemas pessoais, mas vocês, torcedores, nunca me deixaram na mão, sempre me apoiaram”, diz um trecho da carta.

Apesar de ser o artilheiro do time na Série B do Campeonato Brasileiro, com 14 gols, Lima se desentendeu com o ex-técnico Ricardo Drubscky e foi colocado no banco. Com o atual treinador, Sérgio Ramírez, o atacante continuou fora do time titular.

Os problemas pessoais citados pelo atacante na carta podem se referir ao processo que Lima responde, junto com sua namorada, Thais Helena de Oliveira. Denunciados pela prática de aborto, que teria ocorrido em 2011, os dois irão a júri popular, conforme decisão da juíza da 1ª Vara Criminal de Joinville, Karen Francis Schubert Reimer, publicada na última segunda-feira.

A rescisão de Lima aumenta para nove a lista de jogadores que deixaram o JEC neste fim de ano. Nas última semanas, o uruguaio Martin Ligüera e o atacante Kim se desligaram do clube.

Divulgação/Joinville E. C.
Carta entregue à diretoria do Joinville foi assinada a mão pelo atacante Lima, que defendia o clube desde 2011

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade