Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Morre Nilton Santos, ex-lateral e ídolo do Botafogo

Rio de Janeiro (RJ)

O ex-lateral do Botafogo, Nilton Santos faleceu às 15h50 (de Brasília) desta quarta-feira aos 88 anos de idade, após uma infecção pulmonar. A morte do jogador na clínica Bela Lopes, zona sul do Rio de Janeiro, foi confirmada por uma rede social do Glorioso.

Conhecido como “A Enciclopédia do Futebol”, o jogador sofria de mal de Alzheimer há cinco anos e estava residindo na clínica em que morreu, porque precisava de acompanhamento de médicos e enfermeiros. O ídolo deixava a clínica em poucos momentos e, na maioria das vezes, era para tratar alguma emergência em um hospital pronto-socorro.

No último sábado, 23 de novembro, Nilton Santos foi internado em um hospital do Rio de Janeiro por causa de uma insuficiência respiratória. A informação foi confirmada no domingo pela equipe de General Severiano.

Bicampeão mundial com a Seleção Brasileira em 1958 e 1962, Santos deixou a mulher Célia, que hoje luta contra um câncer no cérebro e mora em Aruarama, região dos Lagos, também no Rio. O velório acontecerá ainda nesta quarta-feira, às 22 horas (de Brasília), no salão nobre do Botafogo.

Divulgação/Botafogo F. R.
Nilton Santos foi eleito pela Fifa o melhor lateral-esquerdo do século 20


Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade