Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Renato elogia, mas pede calma com Maxi Rodríguez

Do correspondente Vicente Fonseca Porto Alegre (RS)

O principal tema da entrevista coletiva do técnico Renato Gaúcho foi, claro, o uruguaio Maxi Rodríguez. Autor dos dois gols que deram a vitória ao Tricolor sobre o Flamengo, o meia não começou jogando a partida deste domingo porque, segundo o próprio treinador, ainda lhe falta mais competitividade. Após a vitória, Renato voltou a explicar porque Maxi ainda não foi aproveitado como titular na equipe, mesmo tendo grandes desempenhos em campo.

“Ele é um jogador de muita qualidade e tem tudo para estourar no ano que vem. É importante esse trabalho que o Grêmio fez com ele. Hoje ele entrou, deu show, pode até começar o próximo jogo. Mas ele rende mais quando entra no segundo tempo, pegando o adversário cansado. Ele ganhou massa muscular e ainda aprimora a preparação física. Se entrasse desde o começo, talvez cansasse com 30 minutos de jogo e gerasse contra-ataques pros adversários, e iríamos queimá-lo. Não podemos queimar este jogador”, definiu o técnico.

Renato elogiou bastante o uruguaio pelos dois golaços que marcou na partida deste domingo, mas ainda não tem certeza se o utilizará contra a Ponte Preta. Isto porque Vargas voltará da seleção chilena, voltando à equipe a ficar com quatro estrangeiros à disposição, quando só três são permitidos. Ainda assim, a tendência é que Maxi fique ao menos no banco de reservas.

Divulgação/Grêmio
Xodó da torcida do Grêmio, Maxi Rodríguez não é titular no time de Renato Gaúcho
Renato também elogiou o diretor de futebol de Rui Costa por ter descoberto o jogador, que atuava no primeiro semestre pelo Montevideo Wanderers: “parabéns pelo Rui, que descobriu o jogador quando pouca gente apostava nele. Ano que vem, ele tem condição de fazer história no Grêmio. Gosto muito dele, me agrada vê-lo jogar”, completou o treinador.

O elenco gremista deve retomar os trabalhos na próxima terça-feira. A partir de quarta, Renato começa a encaminhar a equipe que pegará a Ponte Preta no próximo domingo. O Tricolor é o vice-líder do Brasileirão, com 60 pontos.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade