Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Ronaldo se diz a favor do debate e aconselha copiar modelo europeu

Bruno Ceccon São Paulo (SP)

Aposentado desde 2011, Ronaldo disse apoiar as ações do Bom Senso FC, grupo de jogadores que reivindica uma série de melhorias no futebol brasileiro. Com passagens por clubes como Barcelona, Real Madrid e Milan, ele apontou o modelo europeu de organização como exemplo.

“A discussão de agora é muito válida e eu super aprovo, porque é daí que vai sair um entendimento bom para todas as partes. É importante que os interessados discutam juntos como podemos melhorar o futebol brasileiro. Podem pegar os exemplos europeus. Não devemos ter vergonha de copiar o que deu certo”, afirmou Ronaldo nesta quinta-feira, em São Paulo.

Ex-companheiro de Ronaldo no Corinthians, o zagueiro Paulo André lidera o movimento ao lado de nomes como o goleiro são-paulino Rogério Ceni e o meia Alex, do Coritiba. As últimas rodadas do Campeonato Brasileiro foram marcadas por uma série de protestos do grupo em campo.

Estabelecer uma espécie de fair play financeiro, garantir um período mínimo de férias e pré-temporada e aumentar o grau de participação dos jogadores nas tomadas de decisão estão entre as pautas do Bom Senso FC. Ainda que demonstre apoio ao grupo, Ronaldo pede que o foco seja maior.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
As últimas rodadas do Campeonato Brasileiro foram marcadas por protestos do Bom Senso FC dentro de campo
“Sou muito a favor do debate, da discussão sobre futebol, calendário e várias coisas que o Bom Senso tem apresentado, mas a discussão tem que ser mais ampla. Talvez não pensar apenas nos jogadores de primeira e segunda divisão, que sempre estão em maior evidência, mas também nos de terceira e quarta, que jogam somente os Estaduais e ficam oito meses parados”, afirmou.

Atualmente, Ronaldo integra o Comitê Organizador Local da Copa do Mundo-2014, entidade presidida por José Maria Marin, que também dirige a CBF. Insatisfeitos com a posição do órgão diante de suas reivindicações, os líderes do Bom Senso FC não descartam a possibilidade de uma greve.

Ronaldo já manifestou o desejo de que a situação seja resolvida sem conflitos, mas cobra mudanças. “Temos que aproveitar esse momento em que o brasileiro resolveu acordar e se manifestar em vários setores para exigir que as coisas melhorem sempre”, afirmou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade